O Banco do Nordeste realizou, na tarde da terça-feira, 11, em Teresina, a solenidade de entrega do V Prêmio Banco do Nordeste da Micro e Pequena Empresa.

Foram reconhecidos destaques de empreendedorismo, nos segmentos do Comércio, Indústria e Serviços, dos municípios de Uruçuí, Floriano e Piripiri, respectivamente.

O empresário florianense Chico da Gellato (à esquerda), Indústria de Sorvetes Gelatts, foi agraciado durante a premiação. O empreendimento, que atua no mercado há 22 anos, nos Estados do Maranhão, Tocantins, Bahia, Ceará, Pará, Rio Grande do Norte, além do Piauí, gera, atualmente, 156 empregos diretos.

A empresa, com sede no bairro São Borja, iniciou seu relacionamento com o Banco do Nordeste para compra de uma pequena máquina de picolé. Hoje, após duas décadas de parceria, a Empresa conta com cerca de 8 mil freezers e, ainda, com painéis fotovoltaicos instalados, em sua fábrica, em Floriano, com o apoio do BNB.

O superintendente estadual do Banco do Nordeste, José Expedito Neiva Santos, evidenciou, na oportunidade, a relevância do reconhecimento aos empreendedores do Piauí. “Esse é um momento de júbilo, de êxito, de vitória, pois reconhecemos, aqui, iniciativas de sucesso de empresários do nosso Estado, que tanto se dedicaram para essa conquista”, enfatizou. Na ocasião, Expedito destacou as aplicações já efetivadas nos cinco primeiros meses deste ano, em MPEs, no Piauí: R$ 99 milhões. “Contamos com nossa equipe, com os parceiros institucionais, classe empresarial, assim como nossos clientes, para que possamos fazer mais e melhor por nosso Estado”, ressaltou.

Além dos clientes premiados e gestores do Banco, participaram do evento representantes de diversas entidades ligadas às MPEs no Estado, como Associação Comercial do Piauí, Junta Comercial do Piauí, Sebrae, Associação dos Jovens Empresários do Piauí, Sindilojas, IBGE, Governo do Estado e Prefeitura de Teresina.

ASCOM BNB

"Recebemos, em nosso gabinete, a presença da equipe da Secretaria Municipal de Comunicação, sob o comando do secretário Nilson Ferreira, para a apresentação do projeto da campanha oficial de aniversário de 122 anos de Floriano. A exposição de logomarcas, slogan, formatos de materiais de divulgação, composição de fotos, vídeos, banners etc. Foi feita para a nossa aprovação, junto com o secretário de Governo, James Rodrigues. Será uma bela campanha, que irá valorizar o que temos de melhor: as pessoas. A campanha deverá ser iniciada até o fim desta semana," o que externou no seu face o prefeito Joel Rodrigues, de Floriano-PI.

nilson

O aniversário da cidade de Floriano ocorre no dia 08 de julho, mas a gestão Joel Rodrigues sempre elabora uma programação que começa no dia 01º e se estende até o oitavo dia.

 

Da redação

Houve a informação de que em Floriano-PI existe o foco da peste suína e, de posse dessa informação, o Piauí Noticias procurou a ADAPI.

De acordo com o médico veterinário Emídio Gabriel, da Agência de Defesa Animal e Vegetal (ADAPI), Regional de Floriano, no Piauí existiam 16 focos da peste suína, mas todos os focos foram debelados.

emidio

A declaração,  foi dada numa entrevista que o veterinário Emídio concedeu nessa segunda, em Floriano.

De acordo com ele, a cada dia aparecem focos, mas equipes estão trabalhando para não deixar a doença se espalhar.

Ele alerta que os criadores de suínos devem ficar atentos, pois se houver mortes em grande quantidade desses animais ou o porco aparecer com  conjuntivite, doença que se parece com a que atinge o ser humano, esse criador deve tomar as providências. 

Disse mais, que o porco doente pode ter diarréia e febre e completou, “essas pessoas, donas desses animais, devem nos procurar para fazermos uma vistoria na propriedade para saber se realmente é a peste suína ou não”. 

Quanto a  Floriano ele disse, "Floriano tinha uma suspeita, mas nós fomos ao local e constatamos que os animais estavam morrendo por falta de cuidados, ou seja, da maneira que eles estavam sendo alimentados. Nós mudamos a alimentação e vamos agora observar".

 

Da redação

O Tribunal de Contas do Estado do Piauí realizou, no final do mês de maio, fiscalização in loco em escolas de 11 municípios piauienses que estão com atos de autorização vencidos ou descredenciados pelo Conselho Estadual de Educação.

escolas

Equipes da Divisão de Fiscalização da Educação – DFESP1 visitaram escolas nas quatro mesorregiões do Piauí a fim de colher informações acerca das instalações do prédio, ambiente, equipamentos e mobiliários, biblioteca, laboratório de informática e de ciências, cantina etc.

As escolas foram escolhidas por amostragem, dentre os 64 municípios que estão em situação irregular perante o Conselho Estadual de Educação do Piauí. O objetivo das visitas é identificar o motivo das irregularidades e buscar uma solução para o problema.

Ao mesmo tempo, a equipe do TCE busca conhecer a realidade das escolas piauienses. Os dados subsidiarão o relatório de fiscalização, que passará pela análise do Ministério Público de Contas e depois um conselheiro do Tribunal, que analisará a situação e submeterá para apreciação em plenário.

Nessa primeira fiscalização, dois exemplos bem distintos chamaram a atenção dos auditores.

Em Barreiras do Piauí, único município descredenciado do Sistema de Ensino do Estado do Piauí, os técnicos da DFESP1 visitaram a Escola Municipal de João Cassiano, na localidade de Várzeas, distante cerca de 20 quilômetros do centro da cidade e de difícil acesso através de estrada rural.

A unidade escolar atende dezessete alunos distribuídos no ensino fundamental (1º ao 5º ano). “O que me chamou atenção foi que a escola não tem banheiros e, segundo o vizinho, proprietário do imóvel, este recebe R$250,00 mensais da prefeitura para locá-lo”, pontuou Emílio Assunção, auditor da Divisão de Fiscalização da Educação. 

No município de São João do Piauí, uma das equipes visitou a Creche Proinfância Tia Heloina, que atende uma média de 350 crianças na faixa etária de 1 ano e 11 meses a 3 anos de idade, dispondo de um ambiente escolar com estrutura física, administrativa e pedagógica para o bom desempenho educacional.

 Assessoria de Comunicação do TCE-PI

Subcategorias