• Hospital Clinicor
  • Vamol
  • Roma

O município de Floriano é palco hoje de encontro de inúmeras autoridades da Justiça, bem como,  de lideranças políticas que estão se deslocando de algumas cidades do Piauí e de outros centros, para acompanhar a implantação da Vara da Justiça Federal.  Algumas autoridades começaram a chegar ainda nessa noite de quinta-feira e devem ficar na cidade até esse sábado, 10.


Dentre as autoridades que tem presenças confirmadas na solenidade estão: desembargador federal Olindo Menezes, presidente do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, o diretor do Fórum da Seção Judiciária do Estado do Piauí, juiz federal Carlos Augusto Pires Brandão, e o diretor da Subseção Judiciária de Floriano, juiz federal Bruno Christiano Carvalho Cardoso.


No prédio onde vai funcionar a Vara da Justiça Federal começou cedo a movimentação de pessoas que estão no detalhes finais para a solenidade. Representantes de inúmeros órgãos e entidades locais já confirmaram participação no evento que está confirmado para o inicio da noite.

 

Da redação

 

 

preffloA Administração do município de Floriano-PI terá neste mês o desligamento de pelo menos seis dos oito secretários que anunciaram pré-candidaturas à Câmara Municipal local. Até o mês de janeiro a informação é que oito dos integrantes do primeiro escalão do governo sairiam para disputar vagas na assembléia legislativa local, mas esse número caiu para seis.

 


O prefeito Joel, segundo informações, já foi comunicado pelos  postulantes a cadeiras na CMFLO e esses  devem deixar  suas pastas até o fim deste.

 


Arnaldo Messias (administração) Honorato Sérgio (Desenvolvimento Rural), Fabio Braga (Desenvolvimento Econômico) , Silvia Neres (Cultura, Esporte e Lazer), Carlos Antonio (SUTRAN), Joab Curvina (Comunicação), Fábio Cruz (Infraestrutura) e Mauricio Bezerra (Saúde), são os nomes que estavam para sair rumo a uma campanha, mas houve uma alteração, pelo menos, dois nomes não irão mais entrar na disputa. Honorato Sérgio e Arnaldo Messias já anunciaram desistência.



Dados confirmam que com a saída dessas pessoas para a campanha eleitoral os novos nomes deverão ser anunciados em seguida pelo prefeito Joel Rodrigues. Somente o grupo liderado pelo PTB, de acordo com levantamento feito pelo piauinoticias.com,  tem neste momento cerca de vinte pré-candidatos a vereadores.

 

Da redação

Cinco pessoas são denunciadas pelo Ministério Público Federal (MPF) no Ceará por participação no vazamento de questões do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), em 2011. Na denúncia a Justiça foram citadas duas representantes do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), órgão responsável pelo Enem; uma representante da Fundação Cesgranrio, que preparou e aplicou a prova; e dois funcionários do Colégio Christus, de Fortaleza, cujos alunos tiveram acesso antecipado a algumas questões.

 

Em outubro de 2011 foi instaurado inquérito policial para apurar a autoria do vazamento de questões da prova do Enem do ano passado. De acordo com o MPF, foi constatado que alunos do Colégio Christus, de Fortaleza, tiveram acesso antecipado a 14 questões que constavam do exame. Os itens estavam em uma apostila distribuída pela escola semanas antes da aplicação do Enem. As questões vazaram da fase de pré-testes do exame, da qual a escola participou em outubro de 2010.

 

As funcionárias do Inep Maria Tereza Serrano Barbosa e Camila Akemi Karino foram denunciadas por falsidade ideológica, por negarem a possibilidade de obtenção dos cadernos de provas do pré-teste. A representante da Cesgranrio Evelina Eccel Seara teve, de acordo com a denúncia, responsabilidade no vazamento das questões do Enem quando colocou à disposição dos coordenadores dos colégios que participaram dos pré-testes do Enem os cadernos de prova, que eram protegidos por sigilo.

 

Outros dois funcionários do Colégio Christus, a coordenadora Maria das Dores Nobre Rabelo e o professor de física Jahilton José Motta, serão responsabilizados por uso e divulgação indevida do material sigiloso e pela violação de sigilo funcional.

 

Para o procurador da República Oscar Costa Filho, um dos autores da denúncia, houve uma cadeia de crimes, começando pelo Inep. Segundo o procurador, o principal problema consiste na falta de um banco de dados nacional com questões próprias para o Enem. "A notícia de que o Inep teria um banco de dados com mais de 6 mil questões é falsa. A investigação aponta isso".

 

Oscar Filho explica que as questões do pré-teste são usadas normalmente nas provas oficiais do Enem no ano seguinte. "Se eu consigo acessar o pré-teste, eu consigo acessar a prova do Enem. O banco de itens precisa ser pré-testado, mas isso demanda tempo. Além disso, é necessário um prazo de carência para essas questões aparecerem na prova. Nos Estados Unidos, esse prazo é cinco anos". O procurador declara que a falta de um banco de dados foi o principal motivo do adiamento da prova do Enem em 2010 pelo Ministério da Educação. "O MEC não tem garantia de que o Enem não vai vazar. Essa denúncia é uma responsabilização criminal e é uma interpelação ao MEC [Ministério da Educação] também".


Agência Brasil

 

pedroparenteO ex-ministro Pedro Parente visitou a cidade de Bom Jesus ontem, 08, quando percorreu o município acompanhado do prefeito Alcindo Piauilino. Parente, que atualmente é o presidente (CEO) da Bunge Brasil, contou que a multinacional pretende investir R$ 750 milhões no país nos próximos três anos.

De acordo com Alcindo Piauilino, o ex-ministro, que também preside o Conselho Deliberativo dos Produtores de Etanol no Brasil, afirmou que a Bungue irá investir com muita força nessa área nos próximos anos. “Ele comentou que na quinta-feira após o Carnaval esteve reunido com a presidente Dilma discutindo a questão energética no país”, pontua. Alcindo disse que aproveitou o encontro para solicitar mais investimentos para o Piauí. “Não pedi somente para Bom Jesus, mas para o nosso estado como um todo” reforça.

 


Durante sua estadia em Bom Jesus, Pedro Parente mostrou interesse por fatos históricos do município, onde tem laços familiares - seus avós, Odilon Parente e Mundica Santos, além dos tios, o ex-senador Joaquim Parente e os ex-deputados Marcos Parente e Manoel de Sousa Santos, são bonjesuenses de nascimento.

Pedro Parente foi um dos principais ministros do governo Fernando Henrique Cardoso, quando ocupou a Casa Civil e, no segundo mandato tucano, comandou as medidas em torno do racionamento de energia no país.

Desde o início de 2010 quando assumiu o comando da Bunge Brasil, Pedro Parente coordena todas as ações da holding no país, incluindo a Bunge Alimentos e a Bunge Fertilizantes. Tradicional em investimentos na área de grãos, a multinacional registra lucro superior a R$ 30 bi e está expandindo atividades no ramo da agroindústria voltada para a produção de açúcar e álcool.




GP1



 

Subcategorias

A informação sobre como deve funcionar as empresas nessa quinta é da presidente da Classe Comerciária a líder Jocilena Falcão.  Ela recebeu o repórter Ivan Nunes, do Piauí Notícias, para externar sobre como será o funcionamento das empresas no Dia de Corpus Christi.

jocinala

Na entrevista, Jocilana informa que algumas empresas consideradas essências estarão em funcionamento, mas cumprindo o que determina a Lei e o acordo firmado entre as classes de patrôes e empregados do comércio local.

O Sindicato, ainda de acordo com ela, deve agir no caso de algum empreendedor descumprir o acordo. Veja a entrevista com a lider Jocilane Falcão. 

Da redação