Servidores  do Hospital de Floriano recebem cestas básicas. As ajudas partem de uma pessoa que costuma trabalhar com ação social. Brunna Laryelle está a frente das doações.

As informações são do Rafael Oliveira, assessor de comunicação do órgão em Saúde.

O que coloca a Brunna Laryelle.
O órgão em saúde recebeu ainda dez ventiladores mecânicos. Os aparelhos estão direcionados aos pacientes infectados pelo novo coronavírus.
ventila
Da redação
 

Uma jovem que  tem familiares em Floriano, mas que é natural de Teresina onde mora, está passando um por grave problema de saúde ocular.

jairla1

Jairla da Silva é prima do Diesllei, jovem que trabalha no serviço público local e que e membro do EJC – Encontro de Jovens com Cristo da Paróquia de Nossa Senhora das Graças.

Diesllei solicitou ao Piauí Noticias que divulgasse essa nota a seguir no sentido de que as pessoas tomem conhecimento da situação e a ajude.

Veja o apela da jovem.

Oi, tudo bem?
Queria me apresentar e falar um pouco do que estou enfrentando. Meu nome é JAIRLA DA SILVA PEREIRA, tenho 18 anos de idade, moro em Teresina-PI. Eu sempre usei óculos, no entanto os mesmos já não estavam mais servindo. Fui diagnosticada no final de 2019 com CERATOCONE (é uma doença ocular não inflamatória que afeta o formato e a espessura da córnea, provocando a percepção de imagens distorcidas) e de lá pra cá, o estado da doença foi aumentado a ponto de nem poder usar mais os óculos e nem lentes de contato, pois ja não são suficinetes para meu problema. A única solução é uma cirurgia chamada CROSSLINKING, só que ela é muito cara (R$ 6.000,00) e infelizmente eu e minha mãe nao temos como custear tal procedimento cirurgico e não é custeado pelo SUS. Peço encarecidamente ajuda de vocês, para eu voltar a enxergar o mundo melhor.O momento não ta facil, mas em nome de Jesus todos nos vamos vencer tudo isso. Muito obrigada @jairla.s

Banco caixa
Agência: 3389
Operação: 013
Conta: 00006439-0
Adriana Soares da Silva

jairlae

Há informações de que um florianense doou, nessa quarta-feira, R$ 1.000,00 para ajudar no tratamento da Jairla da Silva

Da redação

O Senado Federal aprovou hoje (4) o Projeto de Lei (PL) 1562/2020, que obriga o uso máscaras em locais públicos ou privados, mas acessíveis ao público, em todo o país. A obrigatoriedade do uso engloba transporte público (como ônibus e metrô), dentro de táxis ou carros de aplicativo e aviões. Por ter sido alterado no Senado, o texto volta à Câmara para nova apreciação.

usomascaras

O não uso do equipamento de proteção individual acarretará em multa fixada pelos estados ou municípios. Muitas cidades já têm adotado o uso obrigatório de máscaras, em leis de alcance local. Segundo o projeto, o poder público deve fornecer máscaras às populações economicamente vulneráveis. As empresas, por sua vez, devem oferecer o item de proteção a seus funcionários, sob pena de pagamento de R$ 300 de multa por funcionário sem o acessório.

Na compra das máscaras para os funcionários, o Poder Público dará prioridade aos equipamentos de proteção feitos por costureiras ou outros produtores locais, de forma individual, associada ou por meio de cooperativas de produtores, observado sempre o preço de mercado.

O projeto determina ainda a realização de campanhas publicitárias de interesse público, informando a necessidade do uso de máscaras de proteção pessoal e a maneira correta de seu descarte. A máscara, no entanto, está dispensada para o caso de pessoas com transtorno do espectro autista, deficiência intelectual, deficiências sensoriais ou quaisquer outras que as impeçam de usar a peça adequadamente.

A medida aprovada assegura ainda que profissionais de saúde contaminados pelo novo coronavírus terão garantidos leitos e atendimento em hospitais, respeitados os protocolos nacionais de atendimento médico. O relator da matéria, Jean Paul Prates (PT-RN), acatou várias emendas, dentre elas a inclusão de profissionais da segurança pública na preferência de atendimento, assim como os profissionais de saúde.

Agência Brasil

Foto: Leopoldo Silva/Agência Senado

Uma campanha de conscientização dos idosos para que eles permaneçam em suas casas, no isolamento social, foi feita pela pasta da Ação Social em São José do Peixe-PI.

senhoras

O secretário Adão Sousa, da refeira pasta, com a sua equipe preparou algumas palavras que formam uma mensagem e gravou um vídeo.

As senhoras, todas idosas e de vários pontos da cidade, aparecem segurando as palavras e frases.

Tudo no sentido de que elas e as demais pessoas da cidade continuem tendo cuidado, ou seja no isolamento social, para que não sejam infectadas pelo novo coronavírus.

Veja:

Da redação