Com a instauração do Procedimento de Manifestação de Interesse – PMI, o Conselho Gestor Municipal de Floriano, instituído por Lei Municipal, se reuniu e aprovou a minuta do edital de chamamento público para credenciamento de interessados em elaborar estudos para que culminarão com a contratação de parceria público-privada. Nessa fase o chamamento tem como objetivo chamar pessoas físicas ou jurídicas de direito privado, que tenham interesse em apresentar projetos de viabilidade técnica, que contenham nível de detalhamento suficiente para contratação de parceria público-privada ou de outro modelo de concessão que seja economicamente viável para manutenção da infraestrutura da rede de iluminação pública no município do Município de Floriano.  

conselho0

A proposta é promover a prestação do serviço de forma mais eficiente, sustentável e econômica. Floriano tem hoje 7.166 pontos de iluminação pública. Na reunião, realizada na noite desta segunda-feira (3), estavam presentes, além dos membros do Conselho Gestor Municipal, o prefeito Joel Rodrigues, vice-prefeito Antônio Reis, secretários municipais, diretoria de iluminação pública e os representantes da Equatorial Energia Piauí: José Pedro da Silva Neto – Relacionamento com o Cliente e Mariana de Araújo Borges, executiva de Relacionamento Com o Cliente. 

A secretária de Finanças, Josélia Rodrigues, foi convidada a apresentar a atual realidade financeira do Município, na relação: arrecadação da COSIP, a Contribuição de Iluminação Pública e as despesas com o consumo de energia elétrica da cidade, impostos e manutenção da iluminação pública. Os números de 2017 até agora revelam um déficit gigantesco: em 2017 o município de Floriano arrecadou com a COSIP, R$ 2.358.930,55, mas pagou entre o consumo da cidade, materiais e reparos, R$ 2.430.936,49, ou seja, terminou o ano com um déficit de R$ 72.005,94. Em 2018 a situação foi ainda pior: a arrecadação com a COSIP foi de R$ 2.373.615,68; pagou de despesas R$ 3.183.113,67 e terminou com um saldo negativo de R$ 809.497,99. 

2019 caminha para um déficit ainda maior: de janeiro até abril foram arrecadados, com a COSIP, R$ 774.191,38, gastos com a conta de energia da cidade + materiais + reparos, R$ 1.108.896,50. O saldo negativo até agora, em 2019, chega a R$ 334.705,12.

Um dos problemas está na desvalorização do dinheiro arrecadado, em relação ao aumento das despesas, nos últimos 16 anos, desde que a COSIP foi criada, já que ela prevê a cobrança da população em valores fixos e não em porcentagem sobre o valor da conta. Mesmo assim o secretário de Infraestrutura, Marcony Alisson, disse que, graças a esse aporte do Município, com recursos próprios, está atuando na manutenção de iluminação pública, realizando de 100 a 150 atendimentos semanais. 

O secretário de Governo, James Rodrigues, enfatizou que é importante a população ter conhecimento desta realidade, pois para manter a iluminação em funcionamento, mesmo com as dificuldades de queimas constantes, o Município, gastou do próprio caixa, nos últimos 28 meses, mais de 1 milhão e 200 mil reais. Ele lembrou que a população paga a COSIP não por um poste na porta de casa, mas pelo bem comum, já que também se utiliza da iluminação pública, ao se deslocar de casa para outros locais. “A PPP vai permitir uma modernização do sistema e baratear os custos, já que a empresa privada não precisará de processo licitatório para efetuar as compras de materiais, por exemplo”, disse James Rodrigues.

pmf

Um grande número de pessoas compareceu no final da tarde de hoje, 04, na Loja  Skyler que está sendo inaugurada em Floriano.

skyler

Líderes sindicais, grandes empresários, dezenas de amigos dos empreendedores Lívio Fontes e Paula, além de populares compareceram para conhecer as instalações do negócio e ainda ver as novidades em acessórios do setor masculino.

O empresário Benedito Leal, da Fiat Santa Clara, o líder sindical Conegundes Oliveira foram alguns dos empreendedores a prestigiarem o evento.

“O Sindicato do Comércio Varejista  esteve presente na abertura de mais um Empreendimento. Desejamos sucesso, “ externou Conegundes Gonçalves de Oliveira numa rede social.

 

Da redação

IMAGEM: SICOMFLOR

soniaguedesA atriz Sônia Guedes, bastante conhecida por seu trabalho no teatro e TV, morreu na noite da última segunda-feira (3), aos 86 anos. Segundo a revista “Quem”, a notícia foi confirmada.

A última participação da veterana em novelas foi em “Chiquititas” (2013), do SBT. Na emissora, também gravou “Esmeralda” (2004).

Já na Globo, a artista esteve em produções como “Malu Mulher” (1979), “Barriga de Aluguel” (1990) e “Mulheres Apaixonadas” (2003).

Tania Bondezan lamentou na web: “Sônia Guedes nos deixou. Grande atriz, amiga querida”.

 

 

 

famosidades

Foto: SBT

 Estará sendo inaugurada na tarde de hoje, 04, a partir das 4:00h a empresa Skyler. Do empreendedor Lívio Adriano a Loja, com endereço num trecho da Rua Padre Uchoa, proximidades do Colégio Impacto, estará ofertando vestuário de ordem masculino.

“Estamos trazendo para Floriano a franquia da Skyler que é uma loja de acessórios masculino que era uma carência na cidade. Pensando nisso, estamos trazendo uma nova coleção com peças bonitas, de boa qualidade e com preços acessíveis. Temos, por tanto, muitas opções para o dia dos namorados, ou seja, para as namoradas presentear seus amados,” externou o empreendedor.

adriano

Uma promoção já está confirmada, pois nas compras acima dos R$ 200,00 o cliente vai rodar uma roleta e estará concorrendo a vários prêmios.

“A nossa inauguração e nesta terça a parte das 16:00h e quem quiser conhecer nossos produtos temos uma equipe treinada para atender a todos e mostrar o que há de melhor no vestuário masculino. Nossa equipe está altamente treinada para fazer uma venda de relacionamento, não somente vender, mas trazer o cliente para ser realmente um cliente Skyler e que ele se sinta bem recebido e, em casa. Essa é a nossa proposta para Floriano, ” disse o Lívio Adriano.

Após a abertura na tarde de hoje, a Loja Skyler estará aberta de segunda a sexta das 8:00h até as 19:00h sem intervalo para almoço, coloca o empresário Lívio Adriano.

O objetivo, acrescentou Lívio, é atender toda a clientela com camisas, sapatos, calçados, cintos e ainda muitos outros produtos masculino.

adriano0

SKYLER

A Skyer atua no mercado de moda masculina desde 1997 e atualmente possui rede de 40 lojas em todo Brasil. O modelo de negócios Skyler consiste em oferecer produtos de vestuário atualizados com atendimento personalizado. Os produtos são pensados com foco no compromisso entre a marca e seus consumidores. São desenvolvidos cerca de 500 modelos por coleção, entre as linhas Basic, Casual e Premium, sendo estes dispostos em duas coleções anuais.

sdsdsdsds