×

Observação

There is no category chosen or category doesn't contain any items

Durante uma solenidade o rotariano Mauricio Bezerra, governador do Rotary Distrito 4490 que compreende aos estados do Piaui, Ceará e Maranhão, e sua espsa Rosana Mranda receberam, em Brasília, nesta sexta-feira homenagens.

Bezerra, que estava acompanhado da primeira dama rotária Rosana Miranda, afirmou ao Piauí Noticias que as entregas foram no Instituto Rotary. 

"Recebemos os prêmios de campeões de doação do  Fundo Pólio Plus e do FDUC", citou o líder rotário.

mauricio

Um dos participantes do momento foi o rotariano Pedro, do Rio de Janeiro, que é coordenador do Rotary Internacional do Programa End Pólio. 

 

Da redação

.

pousoNa madrugada desta sexta-feira, 06, um avião da companhia aérea Latam apresentou falhas técnicas em um voo realizado de Brasília a Teresina. Por conta do problema, a aeronave precisou fazer um pouso de emergência no Aeroporto Ministro Petrônio Portella, deixando os passageiros apreensivos.

Em um vídeo gravado por um dos passageiros do referido voo, várias pessoas aparecem rezando o "Pai Nosso" após o ocorrido. Segundo relatos de pessoas que estavam na aeronave no momento do ocorrido, o piloto informou que precisaria fazer um pouso de emergência e não deu mais informações, deixando todos em pânico.

"O voo maluco. Faltando uns 30 a 40 minutos pra chegar em Teresina, o piloto anunciou uma descida de emergência e foi correria dentro do avião. A comissária sentou e todo mundo doido dentro do avião sem saber o que era, e o avião baixando, baixando, falando que vamos descer e ninguém sabia o que tava acontecendo", relatou um dos passageiros.

Somente após finalizado o procedimento de emergência, o piloto se dirigiu aos passageiros para explicar o que havia acontecido. Em um áudio divulgado pelos passageiros, o piloto informa que o avião teve despressurização da cabine e, por isso, foi necessário fazer a aterrissagem de emergência.

"Peço desculpas, tentei falar com os senhores depois do nosso procedimento de voo, mas a carga de trabalho estava um pouco elevada e estava com interferência na comunicação. Nós já estávamos em procedimento de descida e tivemos uma perda de pressurização da cabine, então fizemos uma descida de emergência. Lamento o inconveniente, lamento o susto dos senhores e a nossa intenção é sempre zelar pela segurança de todos", disse o piloto.

Segundo o site de uma companhia aérea, a despressurização é um evento raro. Pode ocorrer escape de ar por conta de um vazamento em uma porta ou janela, fazendo com que a aeronave tenha problemas em manter a sua atmosfera artificial. "Como consequência, cai a oferta de oxigênio dentro do avião, o que pode causar nos passageiros a chamada hipóxia".

Segundo a companhia aérea, o suprimento de oxigênio é de 22 minutos, tempo suficiente para que os pilotos desçam a altitudes mais seguras, abaixo dos 3 mil metros, altitude necessária para que os passageiros possam respirar sem o auxílio da pressurização.

portalodia

A Igreja Evangélica Assembleia de Deus Missão estará com uma progamação sócio/cutural nessa sexta-feira, 06, em Floriano-PI.

Os membros da referida Igreja estarão desenvolvendo ações desde o começo da manhã até o começo da tarde.

desim

Nesta manhã o pastor Dirceu Neto e o dágono Dessin, que é um dos envolvidos na programação, visitaram o Piauí Notícias para falar do que estará ocorrendo.

 

Da redação

Uma vergonha!  Um país dilapidado pelas ratazanas do Congresso Nacional, que se locupletam descaradamente com o dinheiro dos contribuintes,  mostra ao mundo como o Brasil trata com menoscabo  a educação e a pesquisa científica, sob a pífia alegação de que não há recursos. julioa

Pois bem, enquanto o governo, através do ministro Marcos Pontes,  da pasta da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, diz que, por falta de verbas, será suspenso repasse para custear pesquisas científicas e bolsistas, lá no Congresso jorra dinheiro para bancar a farra de parlamentares. 

O  programa Fantástico, da rede Globo, de domingo último (01/09), mostrou a realidade brasileira, que contrasta com a realidade perdulária dos hóspedes do Congresso Nacional. 

No interior do Piauí, na cidade de Cocal dos Alves, mora uma medalhista de prata da Olimpíada de Matemática, que percorre a pé todos os dias pela mata adentro vários quilômetros para poder ir estudar. Essa pobre estudante recebe uma bolsa mensal de 100 reais, que agora será suspensa pelo governo. 

É muito triste ver que a União prefere bancar a orgia dos gastos públicos nos Três Poderes da República -  com a ilha da fantasia Brasília gastando o dinheiro da nação, como se observa no inchado e inoperante Congresso Nacional, repleto de parasitas sugando os contribuintes – a se preocupar com investimento em  educação e pesquisa científica para que não se perca uma futura cientista ou mestra em  Matemática, de Cocal dos Alves, por não dispor de reles 100 reais mensais de bolsa de estudos. 

Se os senhores parlamentares tivessem respeito com o país, cada um deveria doar nem que fossem 100 reais de seus altos salários para que as medalhistas e os medalhistas, pobres, de Matemática pudessem continuar os seus estudos. 

Enquanto isso, leiam o blog do jornalista Lúcio Vaz - https://www.gazetadopovo.com.br/vozes/lucio-vaz/emprego-puxadinhos-dos-deputados-custam-r-93-milhoes-por-ano/?utm_source=salesforce&utm -, onde consta a farra de inescrupulosos parlamentares com o dinheiro do Erário: deputados Marreca Filho (Patriota-MA), Fred Costa (Patriota-MG), Paulo Pimenta (PT-RS), Wellington Roberto (PL-PB), professora Marcivânia (PCdoB-AP), Roberto Lucena (Podemos-SP), Sérgio Souza ( MDB-PR), Vinícius Carvalho (PRB-SP), Maurício  Dziedricki (PTB-RS), Benedita da Silva (PT-RJ), Áureo Ribeiro, (SD-RJ),  Renata Abreu (Podemos-SP),  Mário Negromonte (PP-BA), Eduardo da Fonte (PP-PE),  Miguel Lombardi (PL-SP), Vicentinho Jr. (PL-TO), Ricardo Izar (PP-SP).

 

Júlio César Cardoso

Servidor  federal aposentado

Balneário Camboriú-SC