O Corinthians iniciou, na manhã desta quinta-feira, a preparação para seu próximo jogo no Campeonato Brasileiro, contra o Avaí, neste sábado, na Ressacada. A novidade foi a presença de Renato Augusto em campo - ele não atua desde 19 de junho, na vitória por 1 a 0 sobre o Goiás.

corithian

O Alvinegro vem de uma derrota para o Flamengo, por 2 a 0, na ida das quartas de final da Libertadores. Na ocasião, o clube informou que o jogador estava em "treino total com o grupo, em fase de condicionamento".

Ele, então, está próximo de voltar - seu problema foi uma lesão no músculo solear. Outro que apareceu nas imagens foi Willian, que desfalcou o time de última hora contra o Rubro-Negro por conta de uma tendinite no posterior da coxa direita. Ele também trata um problema no ombro.

Não houve atualização sobre a situação de Maycon, que foi substituído ainda no primeiro tempo no revés.

Sobre as atividades, os atletas iniciaram o dia com o aquecimento e, em seguida, o técnico Vítor Pereira promoveu uma atividade técnica em campo reduzido. Depois, houve um trabalho de enfrentamento e, por fim, repetições de movimentações ofensivas com passes e finalizações. Vale lembrar que, na quarta, os jogadores realizaram regenerativo após a derrota na Libertadores.

Nesta sexta, novamente pela manhã, o elenco fará o último treinamento antes da viagem a Florianópolis, no período da tarde.

O jogo contra o Avaí acontecerá na Ressacada, a partir das 19h (de Brasília), válido pela 21ª rodada do Brasileirão. O Corinthians é o segundo colocado, com 38 pontos.

gazetaesportiva

Com o empate em 2 a 2 com o Atlético-MG pela ida das quartas da Libertadores, o Palmeiras atingiu a marca de 107 gols no ano de 2022. Boa parte desses tentos saíram de bolas paradas, uma das maiores armas da equipe comandada por Abel Ferreira. Até o momento, o Verdão balançou as redes 67 vezes com o jogo correndo e 40 com a bola parada. Lendo esses números em porcentagem, são 63% com bola rolando, que é a maioria, e 37,38% com bola parada, algo que é muito forte neste time desde a chegada do português.

scarpa

Entre os tentos marcados a partir deste fator favorável, três foram em cobrança de falta direta, dois em cruzamento a partir de uma falta, 19 através do escanteio e 16 em cobranças de pênalti.

Dentre os principais marcadores neste quesito estão Gustavo Gómez e Murilo. A dupla de zagueiros do Palmeiras acumula 15 gols feitos no ano, todos na bola parada, sendo oito para o capitão paraguaio e sete para o camisa 26. Por trás dos bons números dos companheiros e do time, existe um responsável: Gustavo Scarpa. O meia é líder em assistências do Palmeiras no ano e, 50% das suas participações em gols foram em bolas paradas.

Com malas prontas para o futebol inglês e despedida marcada para o final da temporada, pode se dizer que o meia é o jogador mais decisivo em bolas paradas em toda a América. Até então foram 42 jogos, nove assistências, 12 grandes chances criadas, 105 passes decisivos e 104 cruzamentos corretos na conta do camisa 14. No empate com o Galo, os dois gols alviverdes saíram de jogadas iniciadas pelos pés do jogador que, com o pé esquerdo, cobrou uma falta e um escanteio com muita precisão para que os companheiros pudessem fazer a felicidade das arquibancadas.

  • A comissão técnica tem muito mérito nisso. O trabalho mental tem sido a prioridade dessa equipe, e isso nos ajudou muito. Aí depois, basta você estar bem mentalmente para que a técnica e o jogo tático acabem fluindo. Eu estou feliz para caramba, graças a Deus, vivo meu melhor momento da carreira. Amadureci como pessoa, como jogador, mas amanhã é um novo dia. Não adianta carregar os elogios de uma partida, temos que pensar na próxima - disse Scarpa em entrevista após o jogo.

55 gols do Palmeiras no ano tiveram origem pelo lado direito, 23 pelo lado esquerdo e 29 pelo centro. Como é possível ver, a maioria dos gols saem pela direita, com 51,40% do total, ou seja, pouco mais da metade dos tentos é por ali, mostrando a força de Scarpa ao lado de Dudu, Veiga e Marcos Rocha, que costumam jogar no setor.

Enquanto os jogadores citados seguirem fazendo a diferença, a bola parada alviverde ainda dará muito mais ‘dor de cabeça’ para os adversários. Agora resta saber o desfecho da história construída pelos comandados de Abel Ferreira e se esta ‘carta na manga’ poderá, novamente, dar alegria aos palmeirenses.

Confira um breve raio-x dos gols do Palmeiras na Libertadores:

35 gols 23 de bola rolando 12 de bola parada (7 escanteio, 3 pênalti, 1 falta direta e 1 a partir da falta)

O técnico Rogério Ceni escondeu o jogo ao ser questionado sobre a chegada de Nahuel Bustos e Nahuel Ferraresi ao São Paulo após a vitória por 1 a 0 sobre o Ceará, nesta quarta-feira, pela ida das quartas de final da Copa Sul-Americana.

ceni

O comandante tricolor garantiu que não foi informado pela diretoria sobre o acordo com a dupla de reforços e que sequer foi consultado sobre Nahuel Bustos, atacante que tem um acordo apalavrado com o clube e, inclusive, já desembarcou na capital paulista.

“Chegam mais dois jogadores? Eu desconheço a chegada dos jogadores. Sobre o zagueiro [Nahuel Ferraresi] eu ainda fui consultado, a outra [contratação] não fui nem comunicado”, disse Rogério Ceni.

Tanto Nahuel Ferraresi quanto Nahuel Bustos pertencem ao Grupo City. O presidente do São Paulo, Julio Casares, possui um bom relacionamento com os gestores do conglomerado, e, por isso, as conversas pelo empréstimo dos dois jogadores acabaram caminhando para um desfecho positivo.

Nahuel Bustos disputou as duas últimas temporadas pelo Girona FC, da Espanha, ajudando a levar o clube para a Primeira Divisão do país. Já Nahuel Ferraresi estava no Estoril Praia, de Portugal, e ainda trata sobre sua ida ao São Paulo, figurando em um estágio menos avançado em relação a Bustos.

Caso a chegada dos reforços se confirme, o São Paulo só poderá usá-los a partir da semifinal da Copa Sul-Americana e no Campeonato Brasileiro, caso estejam regularizados até o dia 15 de agosto, prazo limite estipulado pela CBF para novas inscrições na competição por pontos corridos.

gazetaesportiva

O jovem baronense Luciano, 17 anos, foi um dos destaques do Cori-Sabbá, Sub 20, apesar de ter a idade citada e jogar numa categoria mais elevada e, a equipe não ter feito uma boa campanha. 

luciano

O atleta baronense vem sendo acompanhado pelo Lucimar Feitosa que tem no seu currículo, um histórico de ajudar a revelar bons jogadores, alguns que já estão em fim de carreira.

O repórter Agostinho Cavalcante esteve na tarde dessa quarta-feira, com o treinador Lucimar Feitosa e com o jogador Luciano que ontem estavam no Estádio Tiberão em mais um treino.  

Da redação