ateltcO empate do Atlético-MG contra a Chapecoense foi o quarto jogo consecutivo do clube mineiro com ao menos um desfalque por Covid-19. Ao todo, foram seis jogadores afastados da equipe, após teste positivo.

Considerando o período inteiro da pandemia, o Galo chegou a 19 peças que desfalcaram a escalação por conta do vírus. Na véspera do duelo com os catarinenses, cinco novos casos surgiram.

O técnico Cuca ficou impossibilitado de escalar o meia-atacante Nacho Fernández, pela segunda vez. O jogador estava com quadro gripal diante do Colorado, com teste negativo. Mas foi detectado o vírus no fim de semana. Assim como Nathan, Dylan, Marrony e Micael. Se juntaram a Igor Rabello, que iniciou a quarentena antes do duelo em Porto Alegre.

Com isso, o Atlético terá os próximos jogos com impactos da Covid-19. Diante da Chapecoense, Zaracho saiu da quarentena e voltou a ser relacionado - entrou no segundo tempo. O argentino cumpriu os 10 dias obrigatórios, sem sintomas. É o prazo para o sexteto também, com Rabello podendo voltar, por exemplo, diante do Santos, fora, em 27 de julho. O restante, só a partir do duelo contra o Atlético-GO, 1º de julho.

O lateral Dodô está afastado com lesão na coxa esquerda, e deve só retornar no meio do próximo mês. O goleiro Rafael segue em recuperação de cirurgia no ombro, sem prazo para voltar a treinar com o grupo.Com isso, o Atlético terá os próximos jogos com impactos da Covid-19. Diante da Chapecoense, Zaracho saiu da quarentena e voltou a ser relacionado - entrou no segundo tempo. O argentino cumpriu os 10 dias obrigatórios, sem sintomas. É o prazo para o sexteto também, com Rabello podendo voltar, por exemplo, diante do Santos, fora, em 27 de julho. O restante, só a partir do duelo contra o Atlético-GO, 1º de julho.

O lateral Dodô está afastado com lesão na coxa esquerda, e deve só retornar no meio do próximo mês. O goleiro Rafael segue em recuperação de cirurgia no ombro, sem prazo para voltar a treinar com o grupo.

Nesta virada de mês, haverá a possibilidade de retorno de jogadores da Copa América. A fase de grupos do torneio terminará em 28 de junho. Como só uma seleção de cada grupo (A e B) não se classifica para as quartas de final, então dificilmente o Galo terá a volta de dois jogadores. O Chile, de Eduardo Vargas, assegurou vaga.

O Equador, de Alan Franco, é o lanterna da chave B, que tem a Venezuela de Savarino logo na frente. O Paraguai de Junior Alonso precisa de uma vitória para também carimbar a classificação.

Os jogadores que desfalcaram o Galo por Covid-19:

2020 (11)

Rafael

Victor

Everson

Guga

Réver

Gabriel

Allan

Jair

Alan Franco

Sávio

Vargas

2021 (8)

Guilherme Arana

Matías Zaracho

Igor Rabello

Micael

Nathan

Dylan Borrero

Nacho Fernández

Marrony

GE

Foto: Pedro Souza/Atlético-MG

Nesta quarta-feira, acontece a quarta rodada do Copa América. Serão dois duelos para cada um dos dois grupos. Todos no período da noite: dois às 18h e os outros dois ás 21h. Destaque para o jogo da Seleção Brasileira que enfrenta a Colômbia, às 21h, no estádio Nilton Santos. O time de Tite está com uma campanha de 100% de aproveitamento até aqui. São dois jogos e duas vitórias, garantindo a liderança isolada do Grupo B, enquanto que os colombianos estão segundo lugar no grupo com quatro pontos, somando uma vitória, uma derrota e um empate. Ou seja, uma simples vitória garante aos rivais a liderança do grupo.

Outro jogo que vale destaque acontece às 18h, na Arena Pantanal. O Uruguai enfrenta a Bolívia e está em busca de sua primeira vitória. A equipe celeste começou muita mal a competição e em dois jogos, empatou um e perdeu o outro. Já os bolivianos vêm logo atrás, na lanterna do Grupo A. Não conquistaram nenhum ponto nas duas partidas, mas caso consiga surpreender os uruguaios, pode passar o adversário e os empurrar para a última colocação, os deixando de fora das quartas de final.

CHILE EM BUSCA DA LIDERANÇA

Segundo lugar no Grupo A com cinco pontos, dois a menos que a líder Argentina. Os chilenos jogam no Mané Garrincha, às 21h, contra o Paraguai, terceiro lugar do grupo com três pontos conquistados. “La Roja” ainda não perdeu na competição, mas busca a vitória para roubar a liderança da Argentina e demonstrar poder aos adversários. Destaque para o atacante Vargas, artilheiro da competição com dois gols, estando a dois de se tornar o maior artilheiro da história do torneio.

PERU QUER O SEGUNDO LUGAR

Com uma vitória e uma derrota até aqui, os peruano somam três pontos e irão torcer para o Brasil derrotar a Colômbia. Pois caso isso aconteça e o time vença seu jogo, irá assumir vice-liderança de maneira isolada. O time enfrenta às 18h, no estádio Olímpico, em Goiânia, o lanterna Equador. O empate já é o suficiente para os equatoriano jogarem a Venezuela para o quinto lugar e entrarem na zona de classificação, pois tem um saldo de gols melhor.

CONFIRA OS JOGOS DA 4ª RODADA:

Quarta-feira (23)

18h

Bolívia x Uruguai – Arena Pantanal

Equador x Peru – Olímpico (GO)

21h

Brasil x Colômbia – Nilton Santos

Chile x Paraguai – Mané Garrincha

futebolinterior

condaO Campeonato Brasileiro está no início, mas a Chapecoense observa atentamente a sequência dos jogos e tenta a reação de qualquer maneira dentro das quatro linhas.

Nesta quinta-feira, o Verdão do Oeste mede forças contra o Internacional e projeta quebrar a marca de negativa de ainda não ter vencido na competição.

Com três empates em cinco jogos, a Chape aparece na 16ª colocação. O Cuiabá, o primeiro time do Z-4 tem dois pontos e um jogo a menos.

Desempenho na Arena Condá

Conhecida como um verdadeiro alçapão, a Arena Condá ainda não foi eficaz ao time de Jair Ventura, que até o momento soma uma derrota e um empate na competição nacional.

Será que a primeira vitória em casa pinta contra o Inter?

Lançe

copbrasilAs oitavas de final da Copa do Brasil 2021 estão oficializadas. Em sorteio realizado na sede da CBF nesta terça-feira (22), ficou definido que o São Paulo enfrenta o Vasco, com o time do Rio decidindo a vaga dentro de casa. Entre alguns outros favoritos, o Flamengo pega o ABC, enquanto o Santos duela com o Juazeirense.

O pentacampeão Grêmio tem pela frente o Vitória. E o Fluminense desafia o Criciúma.

Entre os confrontos de times de Série A, destaque para Athletico-PR x Atlético-GO, além de Bahia x Atlético-MG.

O calendário da CBF prevê que os jogos de ida e volta das oitavas de final serão realizados entre o final de julho e o começo de agosto.

Nas quartas de final, haverá novo sorteio para definir os confrontos com os classificados. Só então será definido o chaveamento completo até a decisão da Copa do Brasil.

Confira os confrontos (os times da direita decidem em casa):

Athletico-PR x Atlético-GO

Atlético-MG x Bahia

Fortaleza x CRB

Flamengo x ABC

Criciúma x Fluminense

Vitória x Grêmio

Santos x Juazeirense

São Paulo x Vasco

Lançe

Foto: divulgação CBF