fabioÍdolo do Cruzeiro, jogador com maior número de jogos na história do clube azul, o goleiro Fábio se acertou com a Raposa e confirmou que irá ficar no elenco celeste na temporada 2020.

O camisa 1 cruzeirense encerrou especulações sobre sua saída e aceitou reduzir seus vencimentos e negociar o pagamento dos atrasados, gerando um alívio e satisfação no torcedor, que aumentou sua idolatria pelo jogador.

Os 871 jogos de Fábio com a camisa celeste irão aumentar e, caso não tenha nenhum problema físico, vai superar as 900 partidas pelo Cruzeiro. O arqueiro falou nesta quinta-feira, 16 de janeiro, na Toca da Raposa e comentou a sua decisão de ficar no clube, mesmo com as atuais dificuldades. Do elenco de 2019, Fábio é o terceiro jogador a confirmar presença no grupo. Antes dele, Léo e Edílson já haviam confirmado a permanência no Cruzeiro.

-Eu só fiz um suspense, já tinha acertado desde o início da pré-temporada, mas só agora que a gente divulgou. Eu já tinha falado, minha cabeça sempre esteve no que o Cruzeiro está vivenciando, infelizmente uma coisa negativa, desde o término da temporada passada, no decorrer da temporada passada. Minhas férias foram de ver notícias e sempre procurar minha família, com a mesma opinião e decisão tomada de permanecer no Cruzeiro. Agora é fazer com que o Cruzeiro volte ao lugar que nunca deveria ter saído pela história, tradição e camisa-disse o goleiro, que em seguida explicou o ato de carinho com o clube.

-Eu fiz o que tinha que ser feito. Estava de coração aberto, minha família também. Agradeço meu administrador, esposa, filhos, todos fizeram o sacrifício para o Cruzeiro voltar a ser referência. Não só dentro de campo, com conquistas, respeito, mas também fora, com planejamento, credibilidade. Que o torcedor cada vez mais tenha orgulho. Foi até pouco o que fiz pelo que o Cruzeiro já fez em nossas vidas. Agora o importante é focar para dentro de campo a gente possa alcançar esse êxito- completou.

 

Fábio é o jogador com mais jogos na história do Cruzeiro, com 871 jogos, No total, são 11 títulos pela Raposa, sendo dois Brasileiros, três Copas do Brasil e sete Mineiros. Ele está no clube desde 2005.

 

Yahooesportes

Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro

tardelliDepois de um 2019 frustrado e as fortes dúvidas levantadas já no fim do ano passado sobre sua permanência no Grêmio, o atacante Diego Tardelli teve seu futuro definido na manhã dessa quinta-feira (16) onde foi acertada a sua rescisão contratual.


O anúncio foi feito pelo clube em forma de um rápido comunicado que foi veiculado pelo Tricolor tanto no seu site oficial como através das redes sociais.


Tendo chegado na última temporada ao Imortal em contratação bastante celebrada pela torcida, Tardelli jamais conseguiu efetivamente suprir as expectativas atribuídas seja fazendo a função de centroavante como também atuando pelos lados. Chegando, inclusive, a perder espaço para Luciano que chegou depois ao clube.

Além das questões dentro de campo, problemas de postagens e comentários feitos nas redes sociais também ajudaram não só a minar o clima de Diego Tardelli com o torcedor, mas também aos olhos da diretoria.

Somado isso ao patamar salarial elevado do atacante, formou-se um cenário onde a sua saída parecia meramente uma questão de tempo.

 

Lançe

Foto: Edu Peixoto/MyPhoto Press

fluA poucos dias da estreia do Fluminense na temporada 2020, o técnico Odair Hellmann já começou a esboçar o time que levará a campo neste domingo, às 19h, contra a Cabofriense, em Bacaxá, pela 1ª rodada da Taça Guanabara (saiba como ir ao jogo).

O técnico ainda não terá à disposição diversos jogadores. Ganso cumpre uma suspensão recebida em 2019, Nino está a serviço da seleção brasileira no Pré-Olímpico, e os reforços Egídio, Henrique e Yago, ainda não foram regularizados. Além deles, Frazan sofreu uma grave lesão no joelho no treino de segunda-feira, e Muriel, recuperado de uma fratura na mão esquerda, deverá ser poupado.


Neste cenário, o treinador tem planejado, em atividades e conversas ao longo destas duas semanas de pré-temporada, o time para a estreia, cuja provável escalação é:

Marcos Felipe, Gilberto, Matheus Ferraz, Luccas Claro e Orinho; Yuri, Hudson e Nenê; Caio Paulista, Marcos Paulo e Evanilson.
A princípio, Odair contava como Egídio e Henrique entre os titulares, como noticiara o NetFlu na semana passada. No entanto, como ambos não foram regularizados a tempo em razão da pendência de documentos por parte do Cruzeiro, o treinador precisou fazer mudanças e optou por Orinho na lateral-esquerda e Yuri no meio de campo.


A escalação que deve ir a campo neste domingo tem sete mudanças em relação ao time base do ano passado. Além das ausências de Muriel, Ganso e Nino, o Fluminense perdeu Allan, Caio Henrique, Daniel e Yony ao fim de 2019.

O Fluminense já contratou sete jogadores para a temporada 2020. Já foram anunciados os atacantes Caio Paulista, Felippe Cardoso e Fernando Pacheco e o volante Hudson. Além deles, chegaram, mas não foram oficializados, Egídio, Henrique e Yago Felipe, que treinam normalmente com o restante do grupo.

 

GE

Foto: Lucas Merçon / Fluminense

 

Gustavo Scarpa e Matheus Fernandes foram ausências no primeiro jogo do Palmeiras em 2020. Mesmo com dois times distintos em cada tempo da partida, Vanderlei Luxemburgo sequer relacionou a dupla para o banco de reservas. Em entrevista após a partida, o treinador confirmou que não escalou os dois porque ambos estão em negociação para sair do clube.

“Existe uma proposta pelo Gustavo Scarpa. Seria irresponsável colocar e ter uma lesão, e uma venda ser cancelada. Tirei ele do coletivo e deixei fora. Não resolvendo a situação, ele volta para dentro do processo. O Matheus parece que já foi mesmo”, revelou.


Gustavo Scarpa tem proposta do Almería, time da segunda divisão do futebol espanhol. O meia de 26 anos chegou em 2018 no Verdão e foi destaque no ano passado, quando terminou como artilheiro do time, ao lado de Dudu, com 13 gols.


Já Matheus Fernandes está muito próximo de acertar a sua ida para o Barcelona. O clube catalão fez uma proposta de sete milhões de euros (R$ 32 milhões) ao Palmeiras pelo volante de 21 anos. O jogador chegou para a temporada passada no clube, mas foi pouco utilizado tanto por Felipão, quanto por Mano Menezes. Foram apenas 12 jogos e um gol marcado.


Ambos eram cotados para serem titulares com Luxemburgo nesta temporada, mas devem acabar negociados. O treinador iniciou a sua quinta passagem pelo Palmeiras contra o Atlético Nacional, da Colômbia, na estreia pela Copa Flórida. Depois do 0 a 0 no tempo normal, o Verdão venceu nos pênaltis.

 

Gazeta