gustalailsonForam presos no município de Timon, no Maranhão, na manhã desta quinta-feira, 18, dois foragidos da justiça identificados como Gustavo Vinícius Alves das Chagas, conhecido como ‘Pacú’, de 23 anos e Alaílson de Sousa Silva, vulgo Maguim do celeiro, de 25 anos.

De acordo com a polícia, investigações constataram que os dois fazem parte de uma facção criminosa com atuação em todos o Estado do Piauí e que eles estavam em Timon para prática de tráfico de drogas.

Os dois foram capturados dentro de uma residência, no local foi encontrado um rifle calibre 22 com silenciador, 12 munições do mesmo calibre, um revólver calibre 32, com seis munições intactas, revólver calibre .32, 11 munições do mesmo calibre e três munições de calibre .44, de uso restrito.

A dupla tinha mandados de prisão expedidos pela comarca de Teresina, onde respondem pelo crime de homicídio e tráfico de drogas.

Os criminosos foram presos e encaminhados para a Central de Flagrante de Timon para realização das medidas cabíveis.

 

mn

barNa noite dessa quarta-feira, 17, um bar na Zona Norte de Teresina foi destruído e frequentadores agredidos. O resultado do jogo de Flamengo e Athletico Paranaense, onde o rubro-negro perdeu, teria motivado a confusão.

O ataque aconteceu no parque Itararé, após 22h, e segundo uma testemunha, cerca de 15 indivíduos com camisas na cabeça e tacos nas mãos chegaram agredindo os frequentadores, chutando e jogando cadeiras nas pessoas, cascos de cerveja e quebraram duas TVs do estabelecimento, deixando várias pessoas feridas.

O grupo chegou em três carros e duas motos. Câmeras de segurança registraram o momento em que o grupo chega e sai de perto do bar. flanaticos

O bar é a sede do 'Flanáticos', torcedores que se reúnem pra assistir os jogos do Flamengo em Teresina e a bandeira do local foi levada pelos agressores, que tiraram umas fotos com ela de cabeça para baixo e postaram nas redes sociais.

"Causaram um grande prejuízo ao dono do estabelecimento, quebraram duas TVs, várias cadeiras e agrediram muita gente após o término do jogo. Os agressores são torcedores do Vasco, de um grupo de torcida organizada", disse uma testemunha.

"Eu estava com minha família no momento do ocorrido, o pessoal que estava assistindo o jogo já estavam quase indo pra casa, mais de repente chegou essa turma, com camisas na cabeça, grandes cassetetes e saíram agredindo o pessoal que estava sentado nas mesas e quebrando tudo. Amassaram um carro, jogaram garrafas em cima do pessoal, tinha crianças e gente idosa no momento do ocorrido", completou a testemunha.

A polícia e o Samu chegaram rápido ao local e o caso foi denunciado. A polícia já começou a investigar o caso. Um dos suspeitos do ato já foi identificado.

180 graus

O estado do Maranhão pode ter tido um prejuizo de cerca de R$ 70 milhões com esquema criminoso. 

A informação é da representante do Ministério Público,  Débora Jeane que está em Floriano trabalhando numa operação.

Três pessoas eram para estar presas, mas somente duas foram encontradas e estão recolhidas.

gaeco

Ouça a entrevista com a Promotora.

 ATUALIZADA às 11:20h

A terceira pessoa que estava por ser presa, de acordo com Dra. Débora Jeane, acaba de se apresentar. Ele é identificado por Rafael Loiola Soares.