A Universidade Federal do Piauí (UFPI), por meio da Comissão Organizadora do III Simpósio Internacional sobre Estado, Sociedade e Políticas Públicas (SINESPP), torna público o Edital para lançamento de livros, revistas e-books. Poderão ser inscritas publicações referentes ao ano de edição no período de 2018 a 2020.

O lançamento ocorrerá no dia 22 de outubro de 2020 pelo canal do youtube da UFPI TV.

Confira aqui o Edital.

 

Ufpi

Professores e alunos do curso de Turismo, da Universidade Estadual do Piauí (UESPI), campus Poeta Torquato Neto – Teresina, realizam uma série de oficinas do projeto de extensão Turismo Interdisciplinar, entre os dias 5 e 30 de outubro, na plataforma Google Meet.
A programação do evento conta com quatro atividades:

1- Noções introdutórias sobre Roteirização Turística – Profa. Kaíse Canuto (Instituto Federal do Piauí) – 05 a 09 de outubro;

2- Elaboração de Roteiros Turísticos – Profa. Angélica Learth (UESPI) 12 a 16 de outubro;

3- Interpretação de Sinalização Turística – Profa. Ana Angélica (UESPI) 19 a 23 de outubro;

4- Atendimento ao Público no Turismo – Profa. Ivanise Borges (Universidade Federal do Tocantins) – 26 a 30 de outubro.

De acordo com a Coordenadora do projeto, Professora Andréia Magalhães, o Turismo Interdisciplinar consiste na elaboração de roteiros e experiências direcionadas ao turismo local com foco na experiência, humanização e resignificação.

“O projeto iniciou como um Ciclo de Palestras no ano de 2013. Em 2019 foi repaginado, tornando-se uma atividade resultante da interação entre três disciplinas – Agências de Viagens, Planejamento Turístico I e Ética e Hospitalidade em Turismo. Atualmente, nós estamos com inscrições abertas para 4 (quatro) oficinas, que devem ser realizadas no período de 5 a 30 de outubro. Além disso, em breve teremos dois roteiros turísticos a serem lançados no Instagram @turismointerdisciplinar“, explica a docente.
Inscrições

De forma gratuita, as inscrições estão abertas para os participantes por meio do preenchimento de formulário das oficinas. Os inscritos devem acompanhar a página do projeto para receber o link (Google Meet) de cada oficina.

Vinculado ao Núcleo de Estudos, Pesquisas e Projetos em Turismo – NETUR, o evento conta com carga horária total de 40h.

 

Uespi

Prorrogação do exame foi publicada no Diário Oficial da União

revalidaO Ministério da Educação publicou, na última sexta-feira (11), o edital do Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituição de Educação Superior (Revalida) 2020 no Diário Oficial da União. As inscrições para a primeira etapa já começam na próxima semana, no dia 21, no endereço revalida.inep.gov.br/revalida/inscricao. Já o exame será aplicado no dia 6 de dezembro.

Desde 2017 a avaliação, que valida os diplomas de Medicina obtidos em instituições de ensino estrangeiras, não era realizada. Este ano, em maio, o então ministro da Educação Abraham Weintraub havia anunciado a prova para o dia 11 de outubro. A prorrogação foi motivada pela pandemia de coronavírus.

O Revalida é realizado em duas etapas. A primeira conta com uma prova objetiva com 100 questões e outra discursiva, com cinco questões. Pela manhã, em cinco horas, os participantes devem responder a prova objetiva e pela tarde respondem as questões discursivas em até quatro horas.

Já a segunda etapa ainda não teve o edital divulgado. Nela, somente os participantes aprovados na primeira participam. Eles terão que realizar uma avaliação prática realizada em estações clínicas, simulando um atendimento médico.

Nota de esclarecimento

Após divulgação do cronograma do Revalida, o Ministério da Educação publicou nota de esclarecimento desmentindo a informação de que o Instituto Nacional de Convalidação do Ensino Estrangeiro (ICESPE) seja um dos aplicadores do exame. Apenas o MEC e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) são os responsáveis pela aplicação da prova. “Nenhuma outra instituição está autorizada a realizar exame nacional para a revalidação de diplomas estrangeiros de medicina”, ressaltou a nota.

Requisitos

Entre os requisitos para participar do Revalida estão:

- ser brasileiro(a) ou estrangeiro(a) em situação legal no Brasil;

- ter registro no Cadastro de Pessoas Físicas (CPF);

- ser portador e enviar imagens (frente e verso) de diploma de graduação em Medicina expedido por instituição de educação superior estrangeira, reconhecida no país de origem pelo seu ministério da educação ou órgão equivalente, autenticado pela autoridade consular brasileira ou pelo processo da Convenção sobre a Eliminação da Exigência de Legalização de Documentos Públicos Estrangeiros, promulgado pelo Decreto n.º 8.660, de 29 de janeiro de 2016. 

Cronograma Revalida 2020

  • Inscrição: 21 de setembro a 2 de outubro de 2020.
  • Pagamento da taxa de inscrição: 21 de setembro a 7 de outubro de 2020.
  • Solicitação de atendimento especializado e tratamento pelo nome social: 21 de setembro a 2 de outubro de 2020.
  • Resultado da solicitação de atendimento especializado e tratamento pelo nome social: 9 de outubro de 2020.
  • Recurso da solicitação de atendimento especializado e tratamento pelo nome social: 12 a 16 de outubro de 2020.
  • Resultado do recurso da solicitação de atendimento especializado e tratamento pelo nome social: 19 de outubro de 2020.
  • Envio do diploma para análise: 21 de setembro a 2 de outubro de 2020. Resultado: 9 de outubro 2020.
  • Aplicação: 6 de dezembro de 2020.
  • Gabaritos preliminares da prova escrita objetiva e do padrão de resposta provisório da prova escrita discursiva: 8 de dezembro de 2020.
  • Recurso de gabaritos: 8 a 14 de dezembro de 2020.
  • Gabaritos definitivos da prova escrita objetiva e do padrão de resposta definitivo da prova escrita discursiva: 8 de fevereiro de 2021.
  • Resultado da prova escrita objetiva: 8 de fevereiro de 2021.
  • Resultado provisório da prova escrita discursiva: 8 de fevereiro de 2021.
  • Recurso do resultado provisório: 8 a 12 de fevereiro de 2021.
  • Divulgação do resultado final: 5 de março de 2021.

Fonte: Agência Educa Mais Brasil

As inscrições para o processo seletivo de bolsas remanescentes do Programa Universidade para Todos (Prouni), para o segundo semestre deste ano, começam amanhã (15) e vão até o dia 30 de setembro. Ao todo, serão ofertadas cerca de 90 mil bolsas. O estudante interessado deve acessar a página do Prouni na internet.

As vagas remanescentes são aquelas que não foram ocupadas no decorrer do processo seletivo regular. A disponibilidade dessas bolsas ocorre por desistência dos candidatos pré-selecionados ou falta de documentação, por exemplo.

De acordo com o Ministério da Educação, nesta edição o prazo de inscrição será único, tanto para candidatos não matriculados na instituição de ensino superior para a qual desejam se inscrever para disputar uma bolsa, como para candidatos já matriculados na mesma instituição para a qual querem fazer a inscrição.

O Prouni é o programa do governo federal que oferece bolsas de estudo integrais e parciais (50%) em instituições particulares de educação superior. Para concorrer às bolsas integrais, o estudante deve comprovar renda familiar bruta mensal, por pessoa, de até 1,5 salário mínimo. Para as bolsas parciais (50%), a renda familiar bruta mensal deve ser de até três salários mínimos por pessoa.

 

Agência Brasil