comercianteNo último sábado, 05, um comerciante de 28 anos foi preso após ameaçar e divulgar fotos íntimas da ex-namorada na cidade de Pau D’Arco do Piauí. Além do mandado de prisão preventiva, os policiais do 14º Distrito Policial e do 21º Batalhão da Polícia Militar cumpriram mandados de busca a apreensão em dois endereços do comerciante. As equipes apreenderam celulares, notebook, pen drives e cartões de memória. A vítima, uma jovem de 24 anos, chegou a registrar dois boletins de ocorrência. O comerciante foi identificado pelas iniciais M.F.A..

O chefe de investigação da Delegacia de Altos, Henrique Araújo - com coordenação do delegado Wilon Gomes, informou que o casal “passou um bom tempo juntos”, mas após alguns meses o relacionamento se tornou abusivo com ameaças e agressões. O suspeito chegou a enviar fotos de arma de fogo ameaçando a vítima por não aceitar o fim do relacionamento, apurou a investigação. A senha do celular do comerciante era o nome da ex.

“Ele começou a ameaçar de morte. Ela foi na delegacia e prestou boletim por ameaça e apologia ao crime. O delegado Wilon Gomes pediu medida protetiva. No mesmo dia que a Comarca de Altos concedeu a medida ele descumpriu. Foi na casa dela e a ameaçou pessoalmente de morte, ligou 35 vezes para ela”.

O comerciante também é suspeito de compartilhar uma foto íntima da vítima com os moradores da cidade. A foto chegou a viralizar na região. Após o vazamento, a vítima prestou outro boletim por ameaça de morte e pela Lei Carolina Dieckmann.

No momento da prisão, o suspeito chegou a sorrir para uma foto, de dentro da viatura.

cv

Foto: policiacivil

armasPor volta das 19:00h dessa quinta-feira, 03, um homem de 46 anos de idade foi flagrado transportando duas armas em uma motocicleta. Ele trafegava pela rodovia federal BR-407, no perímetro do município de Acauã, quando foi abordado por uma equipe da Força Tática do 20° Batalhão da Polícia Militar.

O fato aconteceu quando a equipe Bravo, da Força Tática do 20° BPM retornava de uma barreira policial no Posto Fiscal Pipocas, zona rural de Acauã. A polícia avistou o homem conduzindo uma motocicleta e portando objetos enrolados num pano.

Diante da atitude suspeita, os policiais deram voz de parada ao motociclista e, ao realizar a abordagem, encontraram duas armas de fogo do tipo espingarda, sendo uma bate-bucha e outra calibre 12, com numeração.

O homem, de iniciais J.R.A., recebeu voz de prisão e foi conduzido com as armas até a 12ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Paulistana para as providências legais.

Com inormações do cidadesnanet

Um homem suspeito de ser o autor do assalto a um posto de combustível em Oeiras, foi preso na manhã de ontem, 03. Em seu poder foi apreendida uma moto com restrições de furto.

Após o assalto ocorrido no dia 17 de maio ao posto Martinez, localizado na avenida Transamazônica, a equipe de investigação da Delegacia Regional de Oeiras descobriu que um dos autores do roubo seria L. E. e S., residente no bairro Canela e que ele estaria usando uma motocicleta Honda Bros vermelha que havia sido furtada em Nazaré do Piauí.

De posse destas informações a Polícia Civil passou a investigar o paradeiro da referida motocicleta e com apoio da Força Tática da Polícia Militar, na manhã desta quinta-feira, 03 conseguiu apreendê-la em poder de L. E. e S. Após a apreensão foi constatado que era realmente a motocicleta furtada em Nazaré do Piauí.

L. E. e S. que já tem passagem pela polícia, quando menor, pela prática de furto, foi conduzido à Delegacia Regional de Oeiras, onde permaneceu calado durante o interrogatório. Ele foi autuado por receptação de produto furtado e a polícia já tem provas da sua participação ao assalto a um posto de combustíveis.

A polícia segue com as investigações com o intuito de localizar o segundo participante no assalto.

Após todos os procedimentos, a moto será devolvida ao seu proprietário.

Com informações do muraldavila

corridacavaloO prefeito de Nossa Senhora dos Remédios, José Fernando Brito (PSD), foi proibido por decisão judicial  de promover uma corrida de cavalos em um hipódromo de sua propriedade que fica localizado no município, distante cerca de 170 quilômetros de Teresina. O evento, intitulado de 'Grande Desafio', estava marcado para o próximo sábado, 05 de junho, e foi amplamente divulgado pelas redes sociais.

A decisão da justiça foi motivada por uma ação civil pública movida pela Promotoria de Justiça do município de Porto, que também questiona um decreto editado pelo prefeito que flexibilizou a realização de eventos no município. Na ação, o MP aponta que a medida contraria os decretos estaduais que restringem a realização de eventos e as orientações das autoridades sanitárias para o combate à covid-19 no Estado.

Na decisão judicial, proferida na última quarta-feira(02),  o juiz da Vara Única de Porto concedeu a medida liminar requerida pelo MPPI e determinou que o prefeito "se abstenha de promover, organizar, participar do 'Grande Desafio'  agendado para o próximo fim de semana, onde quer que seja realizado, ainda que em data diferente, bem como qualquer outro evento nesse sentido, que ocasione aglomerações de pessoas, como concentrações, caminhadas, carreatas, reuniões com grande número de pessoas e manifestações públicas afins, enquanto perdurar a situação de pandemia pelo novo coronavírus"

Pela decisão, o gestor também não deve autorizar e permitir que o evento ocorra. Em caso de descumprimento da decisão, o prefeito poderá pagar uma multa de R$ 300 mil.

O comandante do Grupamento de Polícia Militar de Nossa Senhora dos Remédios, a Polícia Civil, a Guarda Municipal, e a Vigilância Sanitária Municipal, foram notificados da decisão liminar proferida, para que fiscalizem seu cumprimento.

Outro lado

Procurado pelo Cidadeverde.com, o prefeito José Fernando Brito não foi localizado para comentar a decisão judicial. O espaço permanece aberto para esclarecimentos.

cidadeverde

Foto: divulgação