Terminam na segunda-feira (15) as inscrições para o teste seletivo da Fundação Municipal de Saúde (FMS) de Teresina. São oferecidas 334 vagas para contratação temporária de profissionais da área administrativa e da saúde. A seleção é para a substituição de profissionais afastados do trabalho por motivos legais, em diversos estabelecimentos de saúde, conforme necessidade da administração. A remuneração vai de R$1.133,00 a R$ 17.821,47, conforme o cargo.

concurso foto agencia brasil

As vagas oferecidas são para os níveis superior, médio e fundamental, assim distribuídas:

- 1 para nível básico,

- 130 para nível médio 

- 203 para nível superior, sendo 127 vagas para médicos e 76 para outras categorias.

A seleção terá validade de um ano, podendo ser prorrogada por igual período.

O processo seletivo será executado pelo Núcleo de Concursos e Promoção de Eventos (NUCEPE). Os interessados podem se inscrever no site da instituição.O valor das inscrições é de R$150 para o grupo de nível superior na categoria médico, e R$ 100 para os demais cargos de nível superior. Para cargos de nível médio a inscrição custa R$ 80 e para nível básico o valor é R$ 60.

A prova será escrita objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, com realização prevista para o dia 28 de julho de 2019.

Cliquei aqui para ver o edital.

As micro e pequenas empresas (MPE) excluídas do Simples Nacional terão até o dia 15 de julho deste ano para requerer o retorno ao sistema. Na quarta-feira (3), o Comitê Gestor do Simples Nacional (SGSN) editou Resolução que permite esta ação. Os pequenos negócios podem retornar ao Simples Nacional desde que tenham sido excluídos do sistema em 1º de janeiro de 2018, tenham aderido ao Programa Especial de Regularização Tributária das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte optantes pelo Simples Nacional (Pert-SN), instituído pela Lei Complementar nº 126, de 6 de abril de 2018 e não tenham incorrido nas vedações previstas na Lei Complementar nº 123, de 14 de dezembro de 2006. 

“O Simples Nacional tem impacto direto na sobrevivência da micro e pequena empresa. Estudos realizados pelo Sebrae mostram que, se o modelo de tributação acabasse, 67% das empresas optantes fechariam as portas, seriam empurradas para a informalidade ou reduziriam suas atividades. Por isso, esta Resolução é tão importante, representa uma oportunidade para as micro e pequenas empresas”, defende o presidente do Sebrae, Carlos Melles.

A opção de retornar ao Simples Nacional poderá ser feita até o dia 15 de julho, perante a Secretaria Especial da Receita Federal do Brasil, por meio de um formulário. No requerimento deve constar a assinatura do contribuinte ou por seu representante legal, e instruído com o documento de constituição da pessoa jurídica ou equiparada, com as respectivas alterações que permitam identificar os responsáveis por sua gestão.

Conforme a Secretaria-Executiva do Comitê Gestor do Simples Nacional o contribuinte deve estar ciente de que, em caso de prestação de informação falsa, ele poderá ser excluído retroativamente do Simples Nacional, além de estar sujeito às demais penalidades previstas na legislação. Outro aspecto importante é que, uma vez deferida a opção extraordinária, as MPE ficarão sujeitas às obrigações tributárias principais e acessórias decorrentes, desde 1º de janeiro de 2018.

Simples Nacional
O Simples é um regime tributário facilitado e simplificado para os pequenos negócios. Criado em 2006 pela Lei Complementar nº 123, o Simples abrange a participação de todos os entes federados (União, Estados, Distrito Federal e Municípios) e reúne, em um único documento de arrecadação (DAS) os seguintes tributos: IRPJ, CSLL, PIS/Pasep, Cofins, IPI, ICMS, ISS e a Contribuição para a Seguridade Social destinada à Previdência Social a cargo da pessoa jurídica (CPP).


Assessoria de Imprensa Sebrae 

A coordenação do Mestrado Acadêmico em Letras (ML) da Universidade Estadual do Piauí (UESPI) torna pública a abertura de inscrições para o processo seletivo de um (1) bolsista do Programa Nacional de Pós-Doutorado (PNPD/CAPES), para o exercício de atividades de ensino, pesquisa e extensão no âmbito deste Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu, com bolsa mensal no valor de R$ 4.100,00 (quatro mil e cem reais), com vigência inicial de 12 meses, podendo ser renovada por igual período.

O candidato interessado em participar da seleção deve encaminhar à Secretaria do Mestrado Acadêmico em Letras até o dia 24 de julho de 2019, via serviço de SEDEX ou na coordenação do curso, no Núcleo de Pós-Graduação (NPG) do campus Poeta Torquato Neto, no horário de 8h às 13h30, a documentação seguinte exigida no ato da inscrição:

a) Projeto de pesquisa e plano de trabalho a ser desenvolvido no período de vigência da bolsa;
b) Currículo Lattes para pesquisadores brasileiros com documentos comprobatórios, atualizado em 2019; para estrangeiros, verificar o formato disponibilizado pela CAPES, Portaria Nº 086/13;


c) Cópia autenticada do diploma de Doutor em Letras ou Doutor em Linguística;
d) Cópia autenticada do RG e CPF para pesquisadores brasileiros;
e) Cópia autenticada do Registro Nacional de Estrangeiro (RNE) para pesquisadores estrangeiros residentes no Brasil; passaporte para pesquisadores estrangeiros não residentes no Brasil;
f) Ficha de inscrição (encontra-se no Edital).

Confira o Edital

 

Uespi

Os candidatos que se inscreveram no Programa Universidade para Todos (Prouni) do segundo semestre de 2019 e não foram contemplados na chamada regular (primeira e segunda chamada) podemmanifestar interesse na lista de espera. A lista de espera estará disponível no Sisprouni para consulta pelas IES no dia 18 de julho de 2019.

prouni

Para isso, o procedimento deve ser realizado no site do programa a partir da próxima segunda-feira, 15. Os interessados em conseguir uma bolsa de estudo por meio do Prouni só terão dois dias para integrar a lista. O prazo será encerrado no dia 16/07.Os candidatos aprovados devem comparecer na instituição de ensino a qual se candidatou a vaga no período de 19 a 22 de julho para entregar a documentação comprovando as informações prestadas no momento da inscrição.  

Prouni – saiba mais

Estão aptos a concorrer uma bolsa de estudo do Prouni estudantes que fizeram o Enem e obtiveram uma média igual ou superior a 450 pontos e maior que zero na redação. É preciso também atender ao critério de renda familiar que não pode ser maior que três salários mínimos por pessoa. O participante deve ter estudado em escola da rede pública de ensino durante o ensino médio, ou particular na condição de bolsista integral da instituição.

Fonte:  Agência Educa Mais Brasil