• Hospital Clinicor
  • Vamol
  • Roma
A Ordem dos Advogados do Brasil divulgou na noite desta quinta-feira, 12, a lista dos candidatos aprovados no V Exame de Ordem. A relação contém, além dos nomes de candidatos já indicados na lista preliminar, aqueles que entraram com recursos e foram aprovados. Pouco mais de 26 mil dos 108.335 inscritos foram aprovados, ou seja, o índice de aprovação foi de 24%. No exame anterior, o índice de aprovação foi de 15,02%.

 

Para o presidente da OAB, Ophir Cavalcanti, o crescimento da aprovação revela o maior compromisso e empenho das universidades e estudantes. No entanto, segundo ele, os altos índices de reprovação ainda devem permanecer. "É difícil mudar, pois este é o resultado de uma política que depreciou a qualidade do ensino jurídico no Brasil. Colhemos os frutos que foram plantados".

 

A metade dos candidatos não passou da primeira fase do exame, composta por questões objetivas de múltipla escolha. Cerca de 50 mil candidatos oram aprovados e fizeram a segunda fase no dia 4 de dezembro. Na segunda fase, os candidatos precisaram redigir uma peça processual e responder a quatro questões, sob a forma de situações-problema, compreendendo as seguintes áreas de opção do bacharel, indicada no momento da inscrição: direito administrativo, direito civil, direito constitucional, direito do trabalho, direito empresarial, direito penal ou direito tributário.

 

Quem não foi aprovado poderá fazer o próximo processo de avaliação. O VI Exame de Ordem está com as inscrições abertas até segunda-feira, 16. A inscrição custa R$ 200,00 e pode ser feita no site da FGV Projetos, organizadora do concurso. A prova da primeira fase será no dia 5 de fevereiro, e a da segunda fase será dia 25 de março.

 

Outros exames terão seus editais publicados em abril, agosto e novembro.


CLICK AQUI E VEJA OS RESULTADOS
.



G1
Por volta de 11:30h desta quinta-feira, 12, dois homens, que chegaram em uma motocicleta, assaltaram um policial militar que estava de serviço no Hospital do Parque Piauí, zona Sul de Teresina.


Os bandidos estavam armados de revólver e apontaram a arma contra a cabeça do PM, identificado como Amorim, que trabalha no 6º Batalhão da Polícia Militar. Na arma haviam 12 munições.



A ação será investigada pela delegacia do 4º Distrito Policial. Somente este mês, três armas foram roubadas de policias.



O militar chegou a afirmar que no início, acreditou que se tratava de uma brincadeira, até que ficou evidente o assalto.


180 graus
motociclistaUm grave acidente com vítima fatal foi registrado por volta das 16:00h desta quinta-feira, 12, no Balão do Aeroporto de Parnaíba na BR-343, a poucos metros da delegacia da Polícia Rodoviária Federal.

Segundo informações colhidas pela reportagem, o carro Passat de placa NIK 8000 de Teresina, capital do Piauí, seguia na BR-343 em direção à Parnaíba quando colidiu com a mota Honda Fan de placa NIJ 4112 de Parnaíba – PI que fazia o contorno da rotatória em direção ao Bairro João XXIII.

O condutor da motocicleta é o ex-barbeiro da Polícia Militar, Francisco Cícero de Melo de 62 anos de idade, que teve morte imediata. No Passat estava um casal que não teve seus nomes informados à imprensa, mas prestaram esclarecimentos na delegacia da PRF.

Fonte: proparnaiba
Um policial militar que estava de plantão no Hospital do Parque Piauí, zona Sul de Teresina, foi abordado por dois homens armados e teve a arma roubada nesta quinta-feira, 12. A ação foi registrada por volta das 11:00h.

“O policial estava de costa e não viu o movimento em que os dois homens chegaram. A dupla estava em uma moto de cor preta, modelo Fan, e estavam com um revólver calibre 38”, informa o soldado Ernane Silva, do 6º Batalhão de Polícia Militar.

Após serem informadas sobre o roubo, guarnições da PM ainda tentaram uma perseguição a dupla. Os suspeitos foram seguidos até imediações do bairro Cidade Nova, na cidade de Timon (MA), mas conseguiram despistar as viaturas.

“Não tivemos êxito. Os suspeitos conseguiram se infiltrar na região e sumiram. Entretanto, as buscas vão continuar pela região”, explica o soldado que participava do plantão do 6º Batalhão de Policia Milita na tarde de hoje.

O policial militar não teve identidade revelada, mas sabe que mediante a ação dos suspeitos não esboçou reação perante a abordagem.


Fonte:cidadeverde