A falta de uma política social de forma séria em Itaueira promove miséria em algumas partes da cidade. A exemplo, pode ser citado o  senhor Manoel Rodrigues da Silva, de 56 anos, que mora numa casa extremamente simples. No lar onde ele vive não possui geladeira e nem ventilador, o único eletrodoméstico encontrado em sua residência foi uma televisão, que se encontra inutilizável num canto da sala, cômodo onde fica uma banca com dois potes e um filtro de barro. Durante a noite, a casa é iluminada com uma vela, pois não é atendida pela rede elétrica da estatal Eletrobras Piauí, antiga Cepisa, considerada uma das piores distribuidoras de energia do país.

manoelroditaueira
O cenário é semelhante a uma antiga casa da zona rural das regiões norte e nordeste brasileiro. Mas essa é uma das residências da rua Riachuelo, bairro Alto Sereno I, zona urbana de Itaueira, município piauiense de aproximadamente 11 mil habitantes, localizado a 344 km da capital Teresina.



Em 2009 o itaueirense Manoel Rodrigues conseguiu o que muitos brasileiros sonham - construir uma casa própria - mas entrou para uma triste estatística e, é hoje um dos 10 milhões de brasileiros que vivem na escuridão, conforme dados da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). O Piauí é o estado com maior número de residências sem abastecimento de energia, a estimativa é de 640 mil.

Sonho adiado

A rua Riachuelo possui 18 residências e uma igreja em construção. Segundo os moradores dez casas ainda não contam com o fornecimento de energia elétrica, uma delas é do jovem professor Luizinho, que construiu e começou a mobiliar sua casa, mas continua morando com sua esposa na casa da mãe por conta da falta de infraestrutura da rua. “Não posso morar na minha casa sem energia, pois é durante a noite que preparo minhas aulas e à luz de velas não tem condição”, relata o educador.

No escuro e sem água

Além de viver na escuridão, os moradores da rua são vítimas de um péssimo fornecimento de água. Apenas durantemanoelroditaueira0 algumas horas em três dias da semana tem água nas torneiras. “Aqui quem não pode comprar reservatórios de água passa até sede”, afirma Manoel Rodrigues.

Nas escuras, rua se transforma em ponto preferido dos usuários de drogas

Os moradores relataram que a partir das 18 horas eles ficam confinados em casa. O motivo é o medo de ser abordado pelos usuários de drogas que costumam ficar nas imediações da rua.


Moradores abandonam suas casas

Cansados da exclusão social, alguns moradores estão saindo da rua e deixando para trás a realização de um sonho, a casa própria.

A solução pode está próxima

O posto de atendimento da Eletrobras no município informou que através do programa Luz para Todos estão realizando expansão de rede nos municípios da região de Itaueira e deve atender os moradores da rua Riachuelo nos próximos dias, mas não estipulou um prazo.



Liberdadenews

O vice-governadordo Piauí Zé Filho participou, na última sexta-feira, 24, da solenidade de assinatura de convênio entre a Prefeitura de São Raimundo Nonato e a Fundação Nacional de Saúde (Funasa), para o investimento de R$ 4,5 milhões no sistema de saneamento e abastecimento da cidade.


O evento foi realizado na Câmara Municipal de São Raimundo Nonato, sob a coordenação do diretor de Saúde Ambiental da Funasa, Henrique Pires, e da superintendente Auri Francis Pereira. A reunião contou com a presença dos deputados federais Marcelo Castro e Paes Landim, além do diretor de Assuntos Estratégicos da Fiepi, João Henrique Souza, e dos prefeitos de São Raimundo Nonato, Herculano Negreiros; Várzea Branca, João Melancia; Bonfim, Paulo Henrique; Jurema, Francisco Neto; e de Fartura, Miguel Antônio Braga Neto.


Segundo Henrique Pires, a Funasa tem um orçamento de mais de R$ 2,9 bilhões para 2012 e o Piauí deve executar mais de R$ 80 milhões destes recursos em saneamento. No caso de São Raimundo Nonato, os recursos serão aplicados na correção de falhas no sistema de saneamento e resolver questões ambientais relativas ao abastecimento de água. As cidades vizinhas também serão beneficiadas com outros projetos da Funasa.


“Estou vendo de perto a realidade de vários municípios. Quando recebi o convite para visitar São Raimundo Nonato, aceitei prontamente. Entendo a importância desta obra, pois saneamento básico é uma estrutura indispensável para cidades turísticas. Por outro lado sou solidário ao drama da seca que preocupa as autoridades da região”, disse Zé Filho.


Ao final do evento o vice-governador anunciou que o município de São Raimundo Nonato será beneficiado ainda neste semestre com uma unidade integrada do Sesi e Senai como forma de incentivar o desenvolvimento da indústria na região.


piaui.pi
O governador piauiense Wilson Martins (PSB) determinou o asfaltamento de algumas ruas do centro e bairros do município de  asfaltofloFloriano. As obras devem ficar prontas em breve.


A informação partiu nesse final de semana do secretário estadual de Transportes Avelino Neiva quando o mesmo esteve no município participando de reuniões de grupos políticos.



Ele citou ao piauinoticias.com, “tem um projeto a pedido da Câmara de Vereadores local, através de um requerimento de todos os parlamentares que foi aprovado por unamidade e dirigido ao governador do Estado, e o governador Wilson determinou que a nossa secretaria fizesse o asfalto dessas ruas e avenidas, retirando do rol dessas ruas e avenidas, algumas que o prefeito irá asfaltar”.



Quando foi perguntado sobre o aeroporto, o secretário Avelino Neiva disse que esteve fazendo uma visita ao local com uma equipe e a obra deve ser reiniciada para que a entrega ao povo possa ocorrer no mês de julho, aniversário de Floriano.



Da redação
IMAGEM: Ilustrativa
gustavocarnavEsse final de semana foi de encontros entres líderes das oposições e a atual administração do município de Floriano-PI.  Uma das reuniões foi realizada num hotel que fica no bairro Cancela e pelo menos, doze partidos estavam sendo representados.



Para a reunião foram convidados representantes de todos os partidos de oposição, “tivemos uma reunião muito produtiva onde todos os presidentes  de partidos e pré-candidatos da oposição colocaram seus pontos de vista num encontro objetivo, com o foco de que a gente possa definir os critérios e possa estabelecer um calendário para a escolha desse candidato,  e a questão de mais positivo que chamou atenção é que todos os partidos de oposição continuam unidos, com o mesmo pensamento, ou seja, pensamento da mudança e  da união das oposições para que possamos tirar desse grupo um candidato único para representar esse sentimento, essa vontade de mudança em Floriano”, colocou o deputado estadual Gustavo Neiva que esteve no comando do encontro.


oposições2012

Na reunião realizada no sábado à noite estavam presentes o professor e vereador Antonio Reis Neto (PSDC), a vereadora Ana Cleide (DEM), Enéas Maia (PSDB), Gilberto Jr (PSB) e Nelson Júnior (PSB), esses que já anunciaram pré-candidatura a prefeito. Quem não estava presente era o vereador Salomão Holanda, que recentemente deixou o grupo liderado pelo prefeito Joel para lançar candidatura própria.


O parlamentar e presidente do PRB Salomão Holanda somente nesse domingo à tarde teve uma reunião com o grupo que esteve reunido no sábado. Com esse grupo que está se formando o deputado Gustavo acredita que as pessoas de Floriano terão um nome que estará pronto para administrar o município, “O povo de Floriano terá um nome à altura do seu anseio, da sua vontade para que possamos transformar essa realidade que hoje aflige e afeta esse município”, enfatizou o deputado Gustavo.



Nas pesquisas eleitorais, o candidato que aglutinar maior número de lideranças, aquele que tiver melhor aceitação popular e menor rejeição, são alguns dos critérios que serão usados no momento da escolha do candidato do grupo, foi o que disse o deputado. O ex-deputado e jornalista Silas Freire (PMDB) que já anunciou pré-canditatura a prefeito pelo município não estava na reunião.


ATUALIZADA ás 10:34h do dia 27 de fevereiro de 2012

A reunião contou ainda com o ex-prefeito e ex-deputado estadual José Leão, a ex-deputada estadual Maria José, o professor Sérgio Silva e o secretário de estado, Avelino Neiva.


O ex-prefeito Leão disse que é um momento natural para reuniões dessa natureza e que novas discussões devem surgir e citou, “é um período adequado, necessário, exigido para essas conversações”. Ele colocou ainda que o seu partido, o PSD está analisando e recebendo visitas para conversas e visitando alguns grupos para diálogo visando o processo eleitoral e finalizou, “com o decorrer do tempo e aproximação do período das convenções, tende a aumentar essas conversações com os líderes e grupos políticos do município para que na ocasião a adequada cada partido possa tomar o seu posicionamento”.
opsições2012.1
Da redação
IMAGENS: piauinoticias.com

Subcategorias