Na noite dessa quarta-feira, 31, por volta das 22:30h,  na rodovia que liga a cidade de Caraúbas do Piauí ao povoado Volta da Jurema, o professor Antônio Airton Carvalho Pereira, 30 anos, bateu a sua moto em um animal (jumento).

 

O professor sofreu fratura no pescoço, tendo morte imediata. Ele residia na localidade João Mendes município de Cocal da Estação e trabalhava no município de Caraúbas do Piauí. O mesmo retornava para casa quando houve o acidente.

 

O corpo da vítima foi encaminhado para o necrotério do Hospital Estadual Dirceu Arcoverde, em Parnaíba, onde foi periciado e liberado para o sepultamento.

 

 

Com informações do Blog do Yuri Gomes

 

 

mulher carcereNa manhã desta quinta-feira, 1º, policiais da 2ª Companhia do Satélite, do 5° Batalhão da Polícia Militar do Piauí, resgataram uma mulher que estava em cárcere privado há meses, na casa do namorado.

 

 

Segundo o soldado R. Nascimento, a mãe da vítima pediu a ajuda da polícia para que a filha fosse retirada do local, onde o namorado a mantinha presa.

 

 

“Quando a polícia chegou na residência, houve uma certa resistência do acusado. mas conseguimos resgatar a vítima, mas ela não quis prestar queixa contra o companheiro”, relatou o policial.

 

 

TVClube

corpo copiar copiarPor volta das 9:00h desta quinta-feira, 01, o corpo do homem identificado como Francisco de Assis da Silva, 36 anos, foi encontrado boiando nas águas do Rio Poti, próximo a uma das pilastras de sustentação da ponte da Primavera, zona norte de Teresina.

 

De acordo com informações do irmão da vítima, ele foi visto pela última vez no final da tarde dessa quarta-feira, 31. Ele teria entrado sozinho no rio para pegar manga na margem contrária.

 

O Corpo de Bombeiros foi acionado por populares para realizar a busca pelo corpo. A equipe informou que Francisco foi vitima de afogamento, pois não foi encontrado nenhum sinal de violência no corpo.

 

O carro do Instituto Médico Legal (IML) esteve no local e fez a remoção do corpo.

 

 

 acessepiaui

jurandirUma operação que envolveu policiais da Delegacia de Polícia de Castelo do Piauí e Crateús no estado do Ceará, conseguiram prender cinco homens acusados de assaltar um transporte coletivo (Mercedes Benz de cor amarelo), de propriedade do motorista Cassiano Rosa. O assalto aconteceu no inicio da tarde de hoje, 30, (por volta de meio-dia), nas proximidades do “Mundão” (PI-232 que liga Castelo do Piauí a São João da Serra)

 

Segundo o proprietário do caminhão, Cassiano e seus cerca de 25 passageiros, os bandidos chegaram atirando contra o veículo para que o mesmo parasse.

 

“Eu e meus passageiros, estávamos vindo de Castelo do Piauí, quando fomos surpreendidos por um GOL G3 de cor vermelha, vindo em nossa direção. Ao chegar, cerca de três a quatro homens saíram do carro atirando contra nós. Um dos disparos atingiu um dos pneus do caminhão, e outro atingiu a porta do meu lado. Neste momento, estavam na cabine comigo, uma senhora e um recém nascido de apenas 8 meses”, afirmou Cassiano.

 

No momento que se aproximaram do caminhão, um dos assaltantes, pediu a Cassiano que entregasse todo seu dinheiro, como o dinheiro dos demais passageiros que estavam em cima de seu caminhão.

 

“Quando eles mandaram entregar o dinheiro, um dos assaltantes, pediu também que eu não olhasse para seu rosto e mandou me ajoelhar no chão. Durante todo tempo que eles estiveram pedindo dinheiro, recebi vários tipos de agressões na cabeça, como também xingamentos. Após levarem cerca de R$ 300,00 meus e outras quantias em dinheiro dos passageiros, os assaltantes saíram em alta velocidade com direção a estrada que retorna a Castelo do Piauí.”

 

Momentos após a saída dos assaltantes, duas motos passaram pelo local e trouxeram Cassiano para avisar a polícia na Delegacia de Castelo do Piauí. Acionada, policiais militares e civis da cidade, iniciaram uma investigação na tentativa de identificar e prender os acusados.

 

PRISÃO DOS ACUSADOS

 

Após algum tempo de investigação, a polícia de Castelo do Piauí, recebeu uma informação anônima que um homem ferido de um tiro na perna esquerda, havia sido levado da localidade Bom Jardim (município de Castelo do Piauí), para São Miguel do Tapuio.

 

Depois de checada a informação das características do homem baleado, os policiais se dirigiram até uma residência em São Miguel do Tapuio e lá encontraram Jurandir Soares Nunez, 46 anos, (foto a esquerda) baleado na perna esquerda. Imediatamente, os policiais trouxeram o para a delegacia de Polícia de Castelo do Piauí, para que o mesmo prestasse depoimento sobre sua possível participação no assalto.assalto

 

“Na verdade o que houve, foi um desentendimento entre Jurandir e os outros participantes do assalto no momento da divisão do dinheiro. O desentendimento, fez com que um dos outros acusados (foto a direita), atirasse contra Jurandir. Assim que houve o disparo contra a perna do mesmo, Jurandir foi deixado para trás por seus comparsas e os mesmos seguiram em direção a cidade de Crateús.”, informou o tenente Batista, chefe do GPM em Castelo do Piauí.

 

Ao constatar a participação de Jurandir no assalto, a polícia entrou em contato com a Polícia Militar do Estado do Ceará, para que a mesma fizesse uma barreira policial no intuito de prender os demais acusados que estavam abordo do veículo GOL G3 de cor vermelha. Na altura da divisa entre os municípios de Buriti dos Montes (Piauí) e Crateús (CE), a policia militar cearense conseguiu interceptar o veículo e prender os outros quatro acusados do assalto.

 

“Segundo o que nos foi repassado pelos colegas policiais de Crateús, no carro foram encontradas cinco revolveres, que com certeza absoluta foram os mesmos usados no assalto contra o motorista Cassiano Rosa e seus passageiros”, enfatizou o tenente Batista.

 

Nas próximas horas, a Polícia Militar do Piauí estará se dirigindo a Crateús, para trazerem os quatro outros presos para a Delegacia de Policia de Castelo do Piauí, onde os mesmos irão responder pelo crime de assalto.

 

 

maiscastelo.com