• Jorge Batista Promocional

proteseNa tarde desse domingo, 23, dois homens foram presos suspeitos de assaltarem e agredirem um subtenente da reserva remunerada do Corpo de Bombeiros do Piauí. Um dos suspeitos andava com a ajuda de duas próteses, uma em cada perna. O assalto foi no sábado, 22.

A vítima foi abordada pela dupla no bairro Saci, na zona Sul de Teresina, próximo ao Instituto de Medicina Legal (IML). "Ele foi agredido com coronhadas e encaminhado para um hospital no bairro Promorar", diz o diretor de Inteligência da Polícia Militar, tenente-coronel Jackson Galvão.

"Os dois suspeitos estavam em uma motocicleta e com colete de mototaxi. Eles conseguiram levar os pertences pessoas do subtenente, como celular e carteira", o diretor da PM.

Galvão ressaltou que o proprietário da moto também poderá responder pelo crime.

As equipes do 1º e 17º Batalhões da Polícia Militar realizaram as prisões. Os suspeitos foram pegos nos bairros Saci e São Pedro e encaminhados para a Central de Flagrantes.  

No sábado, as primeiras informações era de que o militar foi atingido por um disparo de arma de fogo, mas informações atualizadas nesta segunda (24) relatam que a vítima foi ferida por coronhadas. Ele chegou a levar um corte na cabeça e está a base de medicamentos. 

De acordo com informações o subtenente passa bem.

cv

crackNa manhã desta terça-feira, 18, uma operação da Delegacia Especializada em Prevenção e Repressão a Entorpecentes (Depre) resultou na prisão de um casal suspeito de tráfico de drogas no Centro da capital piauiense. Para prender o homem e a mulher, os policiais fizeram uma perseguição na Avenida Maranhão. Um vídeo registou o momento que a dupla é abordada.

Com eles, a polícia encontrou uma mala com 18 quilos de crack. O homem que conduzia o Ford Ka de cor prata afirmou que é motorista de aplicativo e não sabia que estava transportando uma passageira com droga. Segundo o delegado Cadena Júnior, coordenador da Depre, a mulher trouxe a droga do estado do Mato Grosso e recebeu R$ 3 mil reais pra trazer a mala. Ela também disse que não sabia que tinha crack na bagagem.

A polícia chegou ao casal após receber uma denúncia anônima informando que a mulher estava saindo da rodoviária de Teresina transportando droga.

"Foi uma operação com equipes da Depre, do canil, da PRF. Saímos em perseguição na Avenida Maranhão, passamos por várias ruas, o pneu do carro deles estourou e abordamos eles na Rua Riachuelo, próximo a Avenida José dos Santos e Silva. O homem disse que era motorista de aplicativo, mas pedimos para ver a corrida no celular e não tinha", conta o delegado Cadena.

Os foram autuados por tráfico de drogas, associação ao tráfico, direção perigosa e desobediência por não terem obedecido à ordem da parada da polícia.

cidadeverde

tiroUma criança de cinco anos morreu, após tiro acidental na cabeça, na noite dessa segunda-feira, 17. O caso ocorreu em uma residência na cidade de Barras, no interior do Piauí. De acordo com o sargento Sousa Barbosa, o disparo teria sido efetuado pelo pai da vítima, um empresário do ramo de lojas de construção, que estaria limpando um revólver.

"A PM foi acionada por volta de 21h. A informação inicial é que a criança tinha sido vítima de bala perdida. No local encontramos o pai, emocionalmente, abatido. Ao ser questionado, ele disse que estava limpando a arma que disparou e atingiu a cabeça da filha", conta o sargento.

De acordo com a PM, o pai ficou em estado de choque. O crime ocorreu no quarto da residência. O sargento conta que o pai foi conduzido à delegacia.

"Sobre a arma, ele alegou que guardava em casa porque estava sendo perseguido por familiares por conta de uma herança. Essa foi a versão dele que será investigada pela Polícia Civil", concluiu o sargento Sousa Barbosa.

PAI FOI PRESO

O delegado Marcelo Leal, da Gerência de Polícia do Interior (GPI), explica que o pai foi autuado por homicídio culposo e por posse ilegal de arma de fogo.

"Ele não tinha autorização para ter essa arma de fogo. Ao que parece, de fato, foi um homicídio culposo. O pai não teria intenção de matar a filha. O IML foi na cidade recolher o corpo e já foi liberado para a família. Ele se encontra preso aguardando uma decisão da Justiça e deve ser solto devido as circunstâncias. Foi um erro de procedimento com arma de fogo fatal. Nesse caso específico, ele pode receber o perdão judicial, uma vez que ele vai sofrer as consequências dessa tragédia por toda a vida", esclarece o delegado Marcelo Leal.

 

cv

Foto: reprodução Whatsapp

Nessa última noite de quinta-feira, 13, a reportagem do Piauí Notícias esteve acompanhando um dos ensaios do Bloco Os  Ingratos que é um dos tradicionais da cidade e, que costuma fechar os desfiles das Escolas de Samba.

osingratos

 No carnaval deste ano, de acordo com a Coef - Comissão Organizadora do Carnaval, somente na terça de carnaval haverá desfiles das escolas, antes os desfiles eram no domingo e terça.

 

Da redação