• Hospital Clinicor
  • Vamol
  • Roma

Pelo menos três presos fugiram da Colônia Agrícola Major César Oliveira, localizada na BR-343. A fuga foi na manhã desta quinta-feira, 26. Esta é a segunda evasao de presos em menos de dez dias na penitenciária.

 

 A fuga teria ocorrido por volta das 7:00 horas e os fugitivos foram identificados como: Jean Gonçalves da Silva, Antonio Marcos de Sousa e Leonardo Ximenes de Araújo.

 

Na última fuga, cinco detentos aproveitaram a chuva que caiu durante todo o dia para deixarem o local. O fato aconteceu no dia 17 de janeiro. Numa entrevista dada ao piauinoticias.com nessa manhã de quarta-feira, 25, o secretário estadual de Segurança, Henrique Rebelo, chegou a dizer que o estado estava há meses sem o registro de nenhuma fuga.  "Nós temos identificado com as visitas que são feitas aqui, não só por mim, mas pela diretoria que faz parte da secretaria algumas situações que precisam e estão resolvidas e concertadas. Basta eu dizer que as medidas foram tão salutares e importantes que nesses dez meses de administração, não ocorreu nenhuma fuga e isso é, o que a população quer ouvir. Em nenhum momento ocorreu qualquer tipo de fuga que pudesse criar pânico para a população".


Da redação com informações do Cidade Verde

 

farmaciapoupularEm março de 2005 foi aberta a primeira Farmácia Popular no Piauí. O programa foi criado, durante o governo do ex-presidente Lula, com o objetivo de facilitar o acesso da população aos medicamentos considerados essenciais.


Até o ano passado nove farmácias do mesmo modelo foram abertas no estado. Cinco delas em Teresina, nos bairros Dirceu Arcoverde, Parque Piauí, Mocambinho, Piçarreira e Centro. As cidades de Parnaíba, Piripiri, Bom Jesus e Floriano também receberam instalação da mesma.


Hoje, das nove farmácias populares existentes no Piauí, oito já foram fechadas pelo governo do estado. Apenas a de Bom Jesus do Gurguéia continua funcionando. O processo de desmonte iniciou no ano passado e prossegue pelo estado.


A farmácia popular de Floriano chegou a ser inaugurada no dia 10 de setembro de 2011, com direito a todas as honras e mídias, mas não abriu suas portas à população.


A Coordenadora da Assistência Farmacêutica da Secretaria da Secretaria Estadual de Saúde, Natália Aires, disse, em maio do ano passado, que as farmácias foram fechadas para reforma dos prédios e reestruturação dos espaços físicos, mas que a população continuaria sendo atendida na farmácia que funciona da Rua 24 de Janeiro, próximo a Pça da Liberdade, centro de Teresina.  Porém até esta também foi fechada e a reforma não foi concluída.


Os funcionários destas farmácias foram demitidos. Apenas um vigilante e um funcionário continuam trabalhando, informando que a farmácia está fechada.


O presidente do Conselho Regional de Farmácia do Piauí, Osvaldo Bonfim, lamenta o fechamento das farmácias e classificou como inaceitável a atitude do governador Wilson Martins e da secretária Lílian Martins.


"O Conselho defende a abertura imediata destas farmácias porque é a forma de garantir medicamentos a baixo custo a quem mais precisa" diz Bonfim. A Fundação Osvaldo Cruz, a Fiocruz, informou que enviará informações sobre o fechamento das farmácias no Estado.


Em março de 2005 foi aberta a primeira Farmácia Popular no Piauí. O programa foi criado, durante o governo do ex-presidente Lula, com o objetivo de facilitar o acesso da população aos medicamentos considerados essenciais.


Até o ano passado nove farmácias do mesmo modelo foram abertas no estado. Cinco delas em Teresina, nos bairros Dirceu Arcoverde, Parque Piauí, Mocambinho, Piçarreira e Centro. As cidades de Parnaíba, Piripiri, Bom Jesus e Floriano (foto) também receberam instalação da mesma.


No município florianense a investimento  na área da saúde nunca funcionou a contento da população e por várias vezes foi farmaciapopulardenunciada pela imprensa local.  Nessa manhã, o portal piauínoticias.com passou no prédio situado nas proximidades do Hospital Regional Tibério Nunes, bairro manguinha, que estava aberto e com algumas pessoas. Entre as autoridades que estiveram na inauguração, estão o governador Wilson Martins e a secretária da saúde  Lilian Martins


Hoje, das nove farmácias populares existentes no Piauí, oito já foram fechadas pelo governo do estado. Apenas a de Bom Jesus do Gurguéia continua funcionando. O processo de desmonte iniciou no ano passado e prossegue pelo estado.


A farmácia popular de Floriano chegou a ser inaugurada no dia 10 de setembro de 2011, com direito a todas as honras e mídias, mas não abriu suas portas à população. Em março de 2005 foi aberta a primeira Farmácia Popular no Piauí. O programa foi criado, durante o governo do ex-presidente Lula, com o objetivo de facilitar o acesso da população aos medicamentos considerados essenciais.


Até o ano passado nove farmácias do mesmo modelo foram abertas no estado. Cinco delas em Teresina, nos bairros Dirceu Arcoverde, Parque Piauí, Mocambinho, Piçarreira e Centro. As cidades de Parnaíba, Piripiri, Bom Jesus e Floriano também receberam instalação da mesma.


Hoje, das nove farmácias populares existentes no Piauí, oito já foram fechadas pelo governo do estado. Apenas a de Bom Jesus do Gurguéia continua funcionando. O processo de desmonte iniciou no ano passado e prossegue pelo estado. A farmácia popular de Floriano chegou a ser inaugurada no dia 10 de setembro de 2011, com direito a todas as honras e mídias, mas não abriu suas portas à população.


A Coordenadora da Assistência Farmacêutica da Secretaria da Secretaria Estadual de Saúde, Natália Aires, disse, em maio do ano passado, que as farmácias foram fechadas para reforma dos prédios e reestruturação dos espaços físicos, mas que a população continuaria sendo atendida na farmácia que funciona da Rua 24 de Janeiro, próximo a Pça da Liberdade, centro de Teresina.  Porém até esta também foi fechada e a reforma não foi concluída.


Os funcionários destas farmácias foram demitidos. Apenas um vigilante e um funcionário continuam trabalhando, informando que a farmácia está fechada. O presidente do Conselho Regional de Farmácia do Piauí, Osvaldo Bonfim, lamenta o fechamento das farmácias e classificou como inaceitável a atitude do governador Wilson Martins e da secretária Lílian Martins.


"O Conselho defende a abertura imediata destas farmácias porque é a forma de garantir medicamentos a baixo custo a quem mais precisa" diz Bonfim. A Fundação Osvaldo Cruz, a Fiocruz, informou que enviará informações sobre o fechamento das farmácias no Estado.


A Coordenadora da Assistência Farmacêutica da Secretaria da Secretaria Estadual de Saúde, Natália Aires, disse, em maio do ano passado, que as farmácias foram fechadas para reforma dos prédios e reestruturação dos espaços físicos, mas que a população continuaria sendo atendida na farmácia que funciona da Rua 24 de Janeiro, próximo a Pça da Liberdade, centro de Teresina.  Porém até esta também foi fechada e a reforma não foi concluída.


Os funcionários destas farmácias foram demitidos. Apenas um vigilante e um funcionário continuam trabalhando, informando que a farmácia está fechada. O presidente do Conselho Regional de Farmácia do Piauí, Osvaldo Bonfim, lamenta o fechamento das farmácias e classificou como inaceitável a atitude do governador Wilson Martins e da secretária Lílian Martins.


"O Conselho defende a abertura imediata destas farmácias porque é a forma de garantir medicamentos a baixo custo a quem mais precisa" diz Bonfim. A Fundação Osvaldo Cruz, a Fiocruz, informou que enviará informações sobre o fechamento das farmácias no Estado.

 

 

Com informações do Acesse Piauí

homemepoliciaUma ocorrência na noite dessa quarta-feira, 25, chamou a atenção dos policiais. Os integrantes de uma família do Centro da Teresina denunciaram e acionaram o Ronda Cidadão para conter um rapaz de nome Daniel, armado com faca, que causava o maior transtorno aos próprios familiares. Eram ameaças de morte, acusações sobre tráfico de drogas, porte ilegal de armas e agressões verbais do mais diversos tipos.


Ao ser preso, Daniel distribui acusações a todos os familiares, inclusive o irmão, que foi colocado como traficante de drogas, segundo ele, o mesmo anda diariamente com um revólver calibre 38 na cintura. O irmão de Daniel o agrediu com um soco frontal na frente dos policiais, acabou perdendo a razão e também foi preso. O acusado teve o nariz quebrado.


A própria família do elemento reclamou bastante das atitudes do mesmo e ainda afirmaram a necessidade de se trancar dentro das casas, com a finalidade de evitar brigas com vítimas fatais.
Daniel e seu irmão foram presos e encaminhados à Central de Flagrantes de Teresina.

 

 

Meio Norte

Homens do Corpo de Bombeiros estão neste momento tentando resgatar um corpo que foi encontrado nas águas do rio Parnaíba, na zona rural do município de Floriano-PI nessa manhã de quinta-feira, 26.

De acordo com informações oriundas da Policia florianense, populares teriam encontro o corpo e comunicado o fato à polícia que passou a tomar as devidas providencias. 


Como o acesso pelo município florianense não foi possível, os profissionais do Corpo de Bombeiros estão tentando o resgate pela região da localidade Bem Quer, área da zona rural baronenses.


ATUALIZADA às 9:33h


Existem as suspeitas de que o corpo que foi encontrado nessa manhã boiando nas águas do rio Parnaíba seja do pedreiro Gilberto Mendes, que está desaparecido desde a terça-feira, 24. Familiares de Gilberto estão sendo procurados por autoridades policiais para que façam um reconhecimento do corpo.


Aguardem novas informações.

 

Da redação