Numa ação rápida, dois indivíduos armados em uma moto preta abordaram Raimundo Florindo de Castro, o Toureiro na saída do seu comércio, quando se dirigia para o carro e levaram a quantia de 12 mil reais.

 

Segundo informações, os indivíduos estavam escondidos atrás de uma árvore na Rua Ademar Neves, fundos do comércio, O Toureiro, de onde saíram para abordar o comerciante. O garupa da moto estava armado com uma pistola e o motoqueiro armado de revólver e saíram mostrando a pistola para as pessoas que se encontravam na rua na tentativa de inibir qualquer ação, descendo na Rua Ademar Neves no sentido do troca-troca, tomando rumo ignorado.

 

O comerciante ainda esboçou reação, tendo seu óculos quebrado. Segundo um mototaxista que presenciou a ação, a moto utilizada no assalto possivelmente seja uma Twister.


Proparnaiba

Segundo informações de populares, o Senhor Costa de aproximadamente 55 anos que é funcionário do Colégio Alfabetoc, teve morte imediata ao cair de uma escada na altura do 3ª andar do prédio fazendo um serviço que ainda não se sabe bem o que seria, no final da tarde desta quarta-feira, 21, em Campo Maior (82Km de Teresina).

 

A escada estava segura numa grade e teria escorregado. Seu Costa caiu próximo a quadra de esportes onde havia várias crianças realizando atividade física e assistiram toda a cena.

 

Seu Costa era vigia da escola, mas também realizava vários serviços há muitos anos na escola. Ele morava próximo a Igreja do bairro Santa Rita, era casado e tinha três filhas.

 

O SAMU foi acionado, mas quando chegou o vigia já estava sem vida. A polícia esteve no local e para fazer a perícia.


Campo maior em foco

Seis homens armados de rifles calibre 12 assaltaram na madrugada de hoje, 22, o caixa eletrônico do Banco do Brasil que fica localizado no interior do supermercado Carvalho, em Piripiri. Os assaltantes pularam a grade do supermercado, por volta de 1:30h, renderam o vigilante e o gerente da loja para em seguida iniciarem o arrombamento do caixa.



Os bandidos utilizaram equipamentos de precisão para abrir um buraco no caixa eletrônico e uma lona para evitar chamar atenção da movimentação no interior do supermercado.  Segundo a polícia, pelo sotaque, os assaltantes podem ser de outro estado.



Meio Norte

O Sindicato dos Agentes Penitenciários e Servidores Administrativos das Secretarias da Justiça e de Segurança Pública do Piauí (Sinpoljuspi) por maioria dos presentes, depois de fazer uma paralisação de advertência por 48 horas, decidiu entrar em greve a partir de hoje, 22, por tempo indeterminado até que o governo atenda as reivindicações da categoria.

 

O Sindicato reclama das péssimas condições de trabalho a que são submetidos os Agentes Penitenciários, da superlotação dos presídios e da necessidade da contratação urgentes de Agentes Penitenciários nestas Unidades Prisionais.

 

Rogaciano Veloso, tesoureiro do Sinpoljuspi, falou que “a greve se dá em virtude do Governo do Estado não atender acordos já acertados no ano de 2011, como a contratação dos Agentes Penitenciários concursados e já formados na academia penitenciária.” 

 

“É algo que beira a irresponsabilidade, deixar que um presídio tenha plantão de apenas dois ou três agentes com uma população carcerária de mais de 300 presos como é o caso da Penitenciária de Picos”, disse Rogaciano Veloso.

 

A greve somente será suspensa caso sejam atendidas ou acordadas as reivindicações da categoria, tudo isso se houver aprovação da categoria em Assembleia Geral.

 

Durante a greve são suspensos alguns serviços nos presídios: visitas familiares e íntimas a presos; atendimentos a advogados; deslocamentos de presos para audiências; recebimentos de presos de Delegacias; transferências de presos entre Unidades Prisionais; atendimentos internos que não estejam relacionados à segurança e recebimento de gêneros alimentícios trazidos por pretensos visitantes.

 

Serão mantidas as atividades como: distribuição de alimentação para os presos; realização de chamadas, conferências de presos; c) distribuição de água para consumo interno pelos presos; d) Soltura de presos para o "banho de sol"; cumprimento de alvarás de soltura; cumprimento de mandados de prisão; atendimento médico de urgência e emergência; distribuição de medicação; vistorias de rotina; transferências internas de presos de celas e\ou pavilhões; realização de rondas periódicas em áreas internas de unidades prisionais; conferências de cadeados nos pavilhões e celas e retirada de presos de triagem, conforme normas estabelecidas em cada unidade prisional.




Cidade Verde