A Secretaria da Educação e Cultura do Piauí (Seduc) informa que já estão abertas as matrículas para a etapa 2012 do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego  (Pronatec). Os estudantes interessados devem estar regularmente matriculados na Educação de Jovens e Adultos (Eja) da 4ª a 7ª etapa e do 2º e 3º anos do Ensino Médio da rede estadual de ensino.

 

O Pronatec compreende a mais ambiciosa reforma já realizada na Educação Profissional e Tecnológica (EPT) brasileira. O programa tem por objetivos expandir, interiorizar e democratizar a oferta presencial e a distância de cursos técnicos e de Formação Inicial e Continuada (FIC), além de fomentar e apoiar a expansão da rede física de atendimento da EPT, contribuindo para a melhoria da qualidade do ensino médio da rede pública estadual, por meio da articulação com a educação profissional.

 

O Pronatec oferece cursos técnicos com um mínimo de 800 horas e FIC mínimo de 160h, através da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica e também do Sistema S.

 

Os interessados deverão comparecer à sede da Gerência Regional de Educação estadual de seu município munidos do formulário para pré matrícula preenchido. Após a realização da pré matrícula os alunos deverão comparecer às unidades ofertantes com a cópia dos documentos solicitados para confirmação da mesma.

 

Documentos solicitados:

 

• Comprovante de escolaridade;

 

• Comprovante de endereço;

 

• Identidade;

 

• CPF.

 

 

 

Novas ofertas

 

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial – Senai – já disponibilizou a oferta FIC 2012 para os alunos interessados em ingressar em um curso

técnico. Ao todo, são 995 vagas disponíveis nos municípios de Campo Maior, Cocal, Floriano, Parnaíba, Picos, Piripiri e Teresina.

 

Confira os cursos ofertados no Senai e faça o download do formulário para pré matrícula Pronatec

 

Mais informações:

Pronatec/PI

Telefone: (086) 3216-3264

 

Fonte: governodopi

 

 

 

A Universidade Federal do Piauí informa que estão abertas as inscrições para o processo seletivo para professor substituto do Campus Almicar Ferreira Sobral, em Floriano. Os professores serão contratados como Classe Auxiliar Nível I, por até 12 (doze) meses, em Regime de Tempo Parcial TP-20 (20 horas semanais) nos termos das Leis nºs. 8.745/93, regulamentada pelas Leis nºs. 9.849/99 e 10.667/03. As inscrições acontecem de 12 à 14 de março, das 8h30 às 11h30 e das 14h30 às 17h30.

 

Não havendo inscrições de candidatos portadores do título de Mestre até dia 14, serão abertas inscrições para o Título de Especialista, no período de 15 e 16 de março. O prazo de validade do Processo Seletivo será de 01 (um) ano, contado da data de publicação do Edital de homologação do Resultado Final no Diário Oficial da União.


Confira aqui o Edital.



Notícias de Floriano

 

Ainda em greve os professores que estão fazendo parte do movimento no estado do Piauí, área de Floriano, realizaram um ato público na praça Dr. Sebastião Martins nessa manhã de sexta-feira. Os educadores manifestantes usaram faixas, camisetas personalizadas e um serviço de alto-falante para chamar atenção das pessoas que estavam passando no local.


 

“Nosso objetivo é chamar atenção não só do pessoal da educação, mas das pessoas de modo em geral. Sabemos que algumas coisas são tiradas que são de direito nosso, como a regência por exemplo, que o governo está greveprofessoresquerendo tirar.


Ele (governo) já tendo feito uma proposta, essa proposta não nos satisfaz porque não há aumento, então, essa manifestação é para levar ao conhecimento da sociedade sobre o que está ocorrendo”, disse a professora Léa Almeida, presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação, regional de Floriano.


 

Alguns professores estão resistindo e ainda não estão fazendo parte da manifestação, disse, afirmando que já houve conversas mas essas pessoas ainda não entraram no movimento. Na quarta, 14, deve haver uma audiência em Teresina com alguns deputados sobre o projeto a ser votado.

 

O Estado do Piauí, lança na próxima segunda-feira, 12, com aula inaugural confirmada para às 17:00h, o primeiro Curso Técnico de Administração de Empresas do Brasil, dentro de uma comunidade terapêutica para dependentes químicos. O curso é uma parceria da Secretaria de Estado da Educação e Cultura do Piauí (SEDUC/PI), com o Instituto Federal do Paraná (EAD-IFPR) e a Fazenda da Paz.celiobarbosa

 “O curso é para beneficiar 45 estudantes internos na comunidade, que concluíram o ensino médio, ou que estejam devidamente matriculados em alguma unidade de ensino da rede pública, cursando o segundo ano”, informa o diretor da Fazenda da Paz, Célio Luiz Barbosa.

A Fazenda da Paz será a primeira unidade de tratamento de dependentes químicos beneficiada com um Polo de Ensino à distância no Brasil. “O curso técnico de Administração terá duração de dois anos e ao final do curso, os alunos estarão habilitados como técnicos de nível médio para atuar na área administrativa”, avisa Célio.

A Comunidade Luz e Vida, com a recepção do sinal, receberá um tutor presencial vinculado à SEDUC e outro à distância, do IFPR, para o desenvolvimento das atividades do curso. “Mais uma garantia para auxiliar o dependente químico a se inserir no mercado de trabalho”, frisa.

Entusiasmado com a estrutura e com o tratamento dispensado aos internos, o secretário de Educação, Átila Lira, esclarece que este será mais um curso de formação de grande importância para o ensino no Piauí. “Todos os cursos técnicos à distância oferecidos no Piauí são reconhecidos e credenciados pelo Ministério da Educação”, argumentou.

 

Em fevereiro do ano passado, o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, esteve em Teresina e visitou a Fazenda da Paz na companhia do governador Wilson Martins. Na oportunidade, o ministro afirmou que a entidade servirá de modelo para todo o país e será levada para o Plano Nacional de Enfrentamento Contra Crack, Álcool e Outras Drogas.

A Fazenda da Paz é uma instituição piauiense que trabalha na recuperação de dependentes químicos. Ela possui três unidades (Terra da Esperança e Flor de Maria, ambas em Timon, e Luz e Vida, em Teresina) e atende aproximadamente 140 internos.

 

Na unidade de Teresina, a Comunidade Luz e Vida da Fazenda da Paz funciona no povoado Cacimba Velha, local onde os internos são submetidos a acompanhamento terapêutico que baseia-se no binômio trabalho/educação, com a realização de outros cursos profissionalizantes.

Mais informações:

86 3221 5995 / 8824 3852 (Célio Luiz Barbosa - coordenador geral da Fazenda da Paz)

86 9437 3068 (Eliane Lopes – auxiliar administrativa)


Com informações da seduc