• Hospital Clinicor
  • Vamol
  • Roma
paeslandimMembro titular da Comissão Representativa do Senado Federal, eleita para atuar no recesso, o deputado federal Paes Landim (PTB), juntamente com os outros 24 membros – 8 senadores e mais 17 deputados – integra o grupo que examinará os documentos recebidos desde o início do recesso. Entre eles, os requerimentos de pedido de convocação do ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra, para esclarecer denúncias de favorecimento a seu estado de origem, Pernambuco. 


O parlamentar piauiense, que é eloquente quando se trata do elogio a autoridades públicas na tribuna da Câmara dos Deputados, estará entre a prática e a defesa dos demais entes federativos que compõem a União, incluindo o Estado do Piauí, que saiu bastante combalido do último Orçamento em vigor, o de 2011, quando conseguiu empenhar em 'Restos a Pagar' -depois de passar o ano sem receber nada em emendas de bancada , a quantia aproximada de apenas R$ 31 milhões. Pesa em desfavor de Landim e em favor do ministro, além da corriqueira prática do parlamentar, o fato do piauiense ser da base governista do Palácio do Planalto. 


A reunião dos membros da Comissão Representativa acontecerá próxima quinta-feira, 12, segundo anúncio do presidente do Congresso Nacional, senador José Sarney (PMDB-AP). 


Entenda o Caso

Na semana passada, deputados do PPS protocolaram requerimentos com o pedido de informações ao ministro. Outros dois requerimentos semelhantes foram anunciados pelos líderes do PSDB, Álvaro Dias (PR), e do DEM, Demóstenes Torres (GO), e devem ser protocolados na tarde desta terça-feira, 10. 



Álvaro e Demóstenes cobram explicações sobre matéria publicada no último dia 3 pelo jornal O Estado de S. Paulo, segundo a qual 90% das verbas do orçamento da Integração Nacional destinadas à prevenção de desastres naturais foram aplicadas em Pernambuco. Os senadores também questionam Fernando Bezerra sobre supostas irregularidades que teriam ocorrido em sua gestão na Prefeitura de Petrolina-PE. 


Em declarações à imprensa, Fernando Bezerra se disse disposto a apresentar explicações ao Congresso e isso deve ser considerado pela Comissão Representativa, composta por 18 deputados e oito senadores. A reunião convocada por Sarney será realizada no Plenário do Senado.



Portal AZ