cavaniO empresário e meio-irmão de Edinson Cavani afirmou que Flamengo, Internacional e Palmeiras estão interessados no atacante do PSG. Como não renovou com o clube francês, o atacante uruguaio, que também é alvo do Boca Juniors, será jogador livre após o fim do contrato que expira em junho.

- Para ser honesto, tudo pode acontecer, pois existem muitos clubes interessados em Edinson - afirmou Walter Fernando Guglielmone, citado pelo jornal "Tuttosport" e pelo portal "CalcioNapoli1926.it", ao ser perguntado se existia a possibilidade de Cavani retornar ao Napoli, clube no qual atuou entre 2010 e 2013.

- Até o momento, não há nenhum contato com os Azzurri (Napoli). Recebemos sondagens da América do Sul com Flamengo, Palmeiras, Internacional de Porto Alegre e Boca Juniors - salientou Guglielmone, que é ex-jogador e já atuou no Brasil defendendo o Pelotas, do Rio Grande do Sul.

O Palmeiras nega que tenha feito contato pelo atacante. No caso do Flamengo, a diretoria fez uma consulta durante o período em que não tinha a certeza da permanência de Gabigol. Como o artilheiro foi contratado, as conversas com Cavani não evoluíram. O Internacional também negou contato.

Por causa da pandemia do coronavírus, Cavani está em quarentena na sua fazenda em Salto, no interior do Uruguai. Na atual temporada europeia, o atacante disputou 14 partidas, marcando quatro gols e dando duas assistências com a camisa do PSG. Estima-se que o salário de Cavani, de 33 anos, gire em torno de 10 milhões de euros por ano.

 

GE

Foto ReuBenoit Tessier/Reuters