bandidocelularMorreu nesse domingo, 10, no Hospital de Urgência de Teresina (HUT), o suspeito de assalto identificado como Carlos Emanoel Lopes dos Santos, após ser baleado com um tiro na cabeça na última terça-feira, dia 05 de outubro, durante um assalto em uma loja de Celular, localizada na Avenida Miguel Rosa, no Centro de Teresina.

Após ser baleado, o criminoso foi encaminhado em estado grave para o HUT, mas acabou não resistindo e veio a óbito na tarde de ontem, segundo informações repassadas pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

No momento da ação, uma pessoa que ainda não foi identificada e que estava no interior da loja reagiu e realizou um disparo contra o suspeito. Uma arma de fogo que teria sido utilizada pelo grupo durante o assalto foi apreendida.

Relembre o caso

Quatro suspeitos, sendo três homens e uma mulher, entraram na loja Theresina Celular e anunciaram o assalto.  "Os quatro estavam no interior do local recolhendo os objetos dos clientes e alguns produtos da loja. O bandido foi atingido provavelmente por algum cliente pois a loja estava cheia. Depois disso, o trio empreendeu fuga. Agora a Polícia Civil ficará responsável pela investigação", informou o sargento Wilson, do 1º Batalhão que atendeu a ocorrência no dia do assalto.

Os comparsas de Carlos Emanoel Lopes dos Santos no dia do assalto seguem foragidos.