Um indicativo de Projeto de Lei, de autoria da deputada Teresa Britto (PV), prevê a implantação, na estrutura da Secretaria de Inclusão da Pessoa com Deficiência (Seid), de um local para treinamento de cães-guia.

Segundo a proposta defendida pela parlamentar, por meio de um cadastro, a Seid realizará o treinamento dos animais para as pessoas que necessitem de ajuda de cães-guia, de acordo com a prioridade para pessoas de baixa renda e de forma gratuita.

A proposta de deputada está para análise na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) e caso passe pelas comissões e seja aprovada pelo plenário deve ser remetida ao Executivo para sanção.

O cão-guia é um tipo de cão de assistência, adestrado para guiar pessoas cegas ou com alguma deficiência visual, proporcionando segurança e auxiliando na locomoção. Em sua justificativa a deputada cita dados do IBGE. Atualmente 22,5% da população do Piauí possui alguma deficiência visual e por isso a necessidade de possibilitar maior acesso ao benefício de um cão guia.

 

Alepi