• Hospital Clinicor
  • Vamol
  • Roma

Cerca de 80 motoristas de carros pipa, que trabalham para a Defesa Civil, entregando água para zona rural da região de São Raimundo Nonato, estão parados devido há um problema técnico no poço da "Fontinele", responsável pelo abastecimento dos carros pipas que levam água para toda região de São Raimundo Nonato.



Impedidos de abastecer, os pipeiros realizaram uma grande manifestação no centro da cidade, nessa quarta-feira, 13. Os “pipeiros”, como são chamados, cobram da Agespisa mais agilidade na manutenção dos equipamentos dos poços da Serra Branca.


Segundo eles, lá existem três poços e apenas um está funcionando. “Ao total são mais de 100 carros pipa trabalhando aqui. Nós ficamos até 10 horas na fila. Quem leva água para Fartura do Piauí só faz uma viagem por dia”, disse um deles.


No final da manifestação eles pararam os carros em frente à agência Agespisa e foram recebidos pelo gerente regional da entidade, Carlos Humberto Lopes, que prometeu resolver o problema o mais breve possível.



saoraimundo.com