Banner
Banner
Pré-candidatos a prefeito de FLO prestigiam a final dos Trintões PDF Imprimir E-mail
Seg, 27 de Junho de 2016 12:42

Três dos pré-candidatos a prefeito de Floriano nas eleições a serem realizadas em outubro estavam no Estádio Tiberão no sábado à tarde acompanhando a final do Campeonato Os Trintões. A decisão estava envolvendo as equipes da Vereda, bairro de Floriano e uma representação de futebol de Barão de Grajaú-MA.

 

 

Estavam em comunicação com os torcedores o empresário Almir Reis, que está no PMDB e pela segunda estará numa campanha de prefeito, o bioquímico Enéas Maia (PSDB) que também estará na disputa pela Prefeitura por mais uma vez e o ex-prefeito por dois mandatos, hoje deputado estadual Joel Rodrigues, líder do PP local. 

DSC04340

 

Nessa imagem, aparecerem Enéas e Joel acompanhados dos seus assessores e partidários num momento descontraído na arquibancada do Estádio.

 

 

Após um contato com o público que estava na arquibancada o empresário Almir Reis aparece no gramado com alguns dos seus pré-candidatos a vereadores e assessores.

DSC04358

 

 

Da redação

Última atualização em Seg, 27 de Junho de 2016 12:50
 
Perícia vê ação de Dilma em decretos, mas não identifica pedaladas PDF Imprimir E-mail
Seg, 27 de Junho de 2016 12:02

peritosUma perícia elaborada por técnicos do Senado, a pedido da defesa de Dilma Rousseff, apontou que há provas de que a presidente afastada agiu diretamente na edição dos decretos de crédito suplementar sem autorização do Congresso Nacional. No entanto, segundo os peritos, não foi identificada uma ação direta da petista na decisão de atrasar os pagamentos da União para bancos públicos, as chamadas "pedaladas fiscais".

 

A edição dos decretos sem autorização do parlamento e as pedaladas embasaram o pedido de impeachment que afastou Dilma do comando do Palácio do Planalto. O documento, apresentado pelos juristas Miguel Reale Júnior, Hélio Bicudo e Janaina Paschoal, se concentrou em duas acusações relativas a 2015: decretos de crédito suplementar assinados pela presidente sem autorização do Congresso e as pedaladas fiscais, que consistem em atrasos nos repasses de dinheiro para bancos públicos, como o Banco do Brasil no Plano Safra.

 

O relatório da área técnica do Senado, que tem 223 páginas, afirma que ocorreram irregularidades na liberação dos créditos suplementares sem aval legislativo e nos atrasos de pagamentos de subsídios do Plano Safra aos bancos públicos.

 

Ainda segundo a perícia, há provas de que Dilma agiu diretamente na edição dos decretos. No entanto, segundo os técnicos, não foi identificada uma ação direta da presidente  afastada que determinasse o atraso nos pagamentos da União para bancos públicos que configuraram as "pedaladas".  

 

A perícia foi realizada em cima de laudos do Tribunal de Contas da União (TCU), que embasam o pedido de impeachment. Num primeiro momento, a comissão de impeachment negou a solicitação da defesa para que os técnicos analisassem os documentos. Depois, atendendo a recurso dos advogados de Dilma, o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, determinou que a perícia fosse realizada.

 

Créditos suplementares

Uma das principais denúncias do pedido de afastamento da presidente é de que ela teria editado decretos para liberar R$ 2,5 bilhões em crédito extra, no ano passado, sem aval do Congresso Nacional.

 

A defesa da presidente afastada vem afirmando, nas diversas sessões do processo de impeachment, que não era necessário o aval do Congresso. Os técnicos do Senado disseram na perícia que essa autorização era obrigatória.

 

"Como esses decretos não se subsumem às condicionantes expressas no caput do art. 4 LOA/2015 [Lei Orçamentária Anual], sua abertura demandaria autorização legislativa prévia, nos termos do art. 167, inciso V, da CF/88", afirmou a perícia.

 

'Pedaladas fiscais'

Os três juristas que apresentaram ao Congresso Nacional o pedido de impeachment de Dilma afirmam que a petista cometeu crime de responsabilidade ao fazer as chamadas pedaladas fiscais (entenda as pedaladas).

 

Essa maquiagem fiscal consiste em "adiantamentos" de pagamentos realizados por bancos públicos a programas federais de responsabilidade do governo federal, sendo que a legislação impede que empresas controladas pela própria União emprestem dinheiro ao governo.

 

Na solicitação de impeachment, os juristas alegaram que, em 2015 – primeiro ano do segundo mandato de Dilma – ela publicou decretos de crédito suplementar sem aval do Congresso e autorizou as pedaladas fiscais, que consistem em atrasos nos repasses de dinheiro para bancos públicos, como o Banco do Brasil no Plano Safra.

 

Os autores do pedido de impeachment juristas argumentam que "os empréstimos foram concedidos em afronta ao art. 36 da Lei de Responsabilidade Fiscal, que proíbe a tomada de empréstimo pela União de entidade do sistema financeiro por ela controlada".

 

G1

Última atualização em Seg, 27 de Junho de 2016 12:35
 
Welligton Dias participa da 7ª Caminhada da Fazenda da Paz PDF Imprimir E-mail
Seg, 27 de Junho de 2016 10:46

O Governador Wellington Dias participou junto com a população da 7º Caminhada da Fazenda da Paz, em favor da vida e contra as drogas, com o tema “Amar é o caminho da paz”. A caminhada promovida pela Fazenda da Paz, conta com o apoio do Governo do Estado do Piauí, por meio da Coordenadoria de Enfrentamento às Drogas (Cendrogas). Uma multidão seguiu em caminhada da Avenida Frei Serafim até a Câmara dos Vereadores, onde foi realizada uma audiência pública para discutir os problemas das drogas e como leis podem ajudar na prevenção e no combate ao entorpecente. 

dias

 

Wellington Dias ressaltou o envolvimento do Estado para possibilitar ações que visem à prevenção o tratamento e a reinserção social dos dependentes químicos. “Por meio da Cendrogas estamos garantindo que neste momento 500 pessoas estejam sendo tratadas e que possam voltar ao convívio da sociedade e de suas famílias. Estamos buscando ainda avançar junto ao Poder Judiciário e o Ministério Público para que, além das penas próprias do crime cometido, estas pessoas possam receber o tratamento como pena alternativa”, explicou.

 

 

O Coordenador da Cendrogas, Sâmio Falcão, disse que a Caminhada da Fazenda da Paz integra a Semana Estadual de Políticas Sobre Drogas e que acontecerão diversas palestras, seminários e exposições até o dia 30 de junho para chamar a atenção da sociedade para o fortalecimento dessas políticas.

 

 

A senadora Regina Sousa enfatizou a importância da manifestação popular em prol da causa. “Nós estamos perdendo a nossa juventude para as drogas e qualquer manifestação que trate deste assunto e chame a atenção para essa problemática é valiosíssima. A Fazenda da Paz colocou essa caminhada no calendário da nossa cidade e é reconhecidamente a instituição que realiza o melhor trabalho no Brasil”, disse.

 

 

Amauri dos Santos é um dos atendidos pela Fazenda da Paz e revelou que desde conheceu a instituição sua vida mudou e que está recuperando a sua dignidade. “Pelo uso de drogas perdi tudo, até meu nome, passaram a me chamar de “drogado”, “noiado” e o Amauri ninguém mais reconhecia, nem eu. Cheguei a roubar até a minha família, e hoje venho aprendendo a cada dia como me livrar das drogas e ser um pessoa melhor. Estou feliz e vivendo cada dia", declarou emocionado.

 

 

O Coordenador da Fazenda da Paz, Célio Barbosa, ressaltou que a violência que a nossa sociedade está vivendo tem muito a ver com a utilização de drogas e que precisamos nos unir para construir uma sociedade melhor e pacífica. “É preciso espalhar amor. A caminhada é uma forma de chamar a atenção da nossa sociedade para que juntos possamos construir um futuro melhor para os nossos jovens, longe das drogas”, declarou Célio Barbosa.

 

 

O secretário de Governo, Merlong Solano falou dessa parceria entre o Governo do Estado e as Organizações não governamentais. “Não só o Governo, mas tambem a sociedade precisa apoiar entidades como a Fazenda da Paz que tem capacidade para realizar esse trabalho contra a dependência química. Aqui vivemos um ato de fé e compromisso com a nossa sociedade”, finaliza.

 

 

piaui

Última atualização em Seg, 27 de Junho de 2016 10:50
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>

Página 1 de 3408
Banner

DEPARTAMENTO COMERCIAL

(89)9930-9050

                                                                                                                whatsapp-6in3 copy(89)9401-8521

REDAÇÃO

 

(89)3521-1241

 

 

 

REPORTAGEM

(89)9922-6983

(89)9909-2133

(89)9434-4620


EMAIL

piauinoticias@hotmail.com

:: PIAUÍ NOTÍCIAS ::
Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
É permitido a reprodução com autorização ou citação de fonte
marca dagua branca.fw