Nesta quarta-feira (20), 40 produtores estiveram presentes na s agência do Banco do Nordeste do Brasil – BNB, em Floriano, para assinatura de contrato de financiamento, que possibilitará acesso à compra de animais na 48ª Exposição Feira Agropecuária de Floriano, com um custo baixo, financiado pelo programa Agroamigo. O limite de crédito varia de acordo com o a categoria do agricultor, o projeto apresentado para solicitação de crédito e o cadastro junto ao banco. Um dos critérios para solicitação do crédito rural é a participação no Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar – PRONAF. Estima-se que 200 animais serão comprados no evento, através desta linha de crédito.

assinajo

O próprio banco efetuará o pagamento junto ao expositor na exposição agropecuária, garantindo mais comodidade ao pequeno produtor. O gerente Alisson Ramon Silva, ressaltou a relevância do programa, para beneficiar os produtores, uma vez que a taxa de juros aplicada é a menor do país, em média 4,5% ao ano, e bônus de adimplência de 25%, o que garante taxa de juros negativa àqueles que mantém o pagamento até a data de vencimento. Haverá, ainda, um stand do BNB na feira de exposição florianense, para garantir comodidade àqueles que desejam atendimento e informações.

assinajoel

Para o secretário de Desenvolvimento Rural, Assis Carvalho esta é uma oportunidade para quem deseja investir de modo correto, utilizando o benefício para aumentar o rebanho. O secretário da pasta afirma que a parceria do BNB com a prefeitura se dá através de um trabalho integrado com reuniões nas comunidades com a equipe da secretaria e o agente do banco, onde os produtores tem acesso as informações acerca dos limites de crédito disponíveis. Em média um milhão e duzentos mil reais são investidos em Floriano anualmente neste programa. Além da cooperação no Agroamigo, a parceria da prefeitura e do BNB também se realiza em outros assuntos pertinentes à comunidade, que cooperam para o desenvolvimento rural e retornam em benefícios à comunidade florianense.

 

ascom

O vereador Dessim que vem anunciando que está com o nome a disposição dos seus colegas para ser presidente da Câmara de Floriano no processo eletivo que ocorre nessa noite de quinta-feira, 21, não atendeu às ligações do piauinoticias.

dessim

Hoje, o portal tentou por duas vezes falar com o parlamentar sobre a eleição, mas o mesmo disse apenas “alô” numa primeira ligação e desligou.

Numa segunda tentativa do portal de falar com o parlamentar, a ligação não se completou mais.

ATUALIZADA às 16:19h

Caso o vereador Dessim queira se manifestar antes da sessão o espaço está aberto.

 

 

Da redação

Nesse momento, de acordo com informações levantadas pelo piauinoticias, alguns dos vereadores estão reunidos e tratando da eleição que vai ocorrer na noite de hoje.

Os vereadores estarão elegendo a mesa que vai presidir o Poder pelo biênio 2019/2020.

simplicio er

O vereador Manoel Simplício está colocando o seu como vice-presidente.

A eleição estará ocorrendo na sessão que terá início às 20:00h.

Como a Câmara está em obras, passando por uma reforma com ampliação, as sessões estão se realizando na Associação Comercial do Sul do Piauí, à Avenida Eurípedes de Aguiar, centro.

 

Da redação

 

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, assinou uma ordem executiva que coloca fim na crise humanitária que se instalou na fronteira do país com o México em que famílias inteiras foram separadas durante tentativas de travessia.

truam

A administração Trump, no entanto, informou que a política “tolerância zero” contra a imigração ilegal irá continuar.

O novo decreto, disse Trump, quer manter as famílias unidas durante os procedimentos migratórios. “Ao mesmo tempo, queremos manter nossas fronteiras fortes e protegidas”, disse ele ao assinar a ordem executiva.

Até então, a política em vigor previa que os adultos detidos durante a tentativa de cruzar do México para os EUA fossem processados criminalmente. Como resultado, os menores de idade eram levados para um abrigo do governo. Em prática há cerca de seis semanas, causou a separação forçada de ao menos 2 mil crianças gerou uma grave crise de imagem para a gestão Trump, criticada por líderes globais e organizações de direitos humanos. 

 

msn

sdsdsdsds