Na última sexta-feira,15, o procurador da República Kelston Pinheiro Lages e o promotor de Justiça Vando da Silva Marques, reuniram-se na sede do Ministério Público Federal (MPF) no Piauí com representantes da Secretaria de Estado da Defesa Civil, da Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM), da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), para cobrar agilidade nas tratativas do processo licitatório referente à Adutora do Sertão.

Kelston Pinheiro Lages destacou a necessidade da realização de diligências e procedimentos preliminares, como o EVTEA (Estudo de Viabilidade Técnica Econômica e Ambiental), para acompanhar a ação civil pública que determinou à União Federal a adoção de todas as providências para a elaboração de projeto básico da adutora, com a finalidade de aproveitar o imenso potencial hídrico existente no semiárido piauiense.

O procurador da República pontuou ainda, sobre a necessidade de preservação da vida das pessoas e lembrou que a seca é um drama secular e aflige a população piauiense, sem ter merecido até então a atenção devida pelos gestores públicos.

“O projeto da Adutora do Sertão, visa resolver de forma definitiva tal problema que se arrasta há décadas. Reuniões como essa vem sendo feitas nos últimos meses no MPF para simplificar e superar etapas técnicas do projeto com órgãos envolvidos afim de que a licitação da obra possa ocorrer no tempo mais rápido possível, respeitando exigências legais”, declarou Kelston Lages.  

Encaminhamentos - O representante da Funasa informou sobre o cumprimento integral dos termos da recomendação encaminhada pelo MPF. Já a Defesa Civil informou que estão realizando reuniões para analisar os custos dos testes de vazão, perfilagem ótica, limpeza e teste de bombeamento nos 37 poços e que a previsão de conclusão do edital dependerá de novo parecer da Funasa. E que também solicitará à CPRM o técnico, autor dos estudos iniciais, que deram origem à proposta do Projeto da Adutora. Já o representante da CPRM, explicou aos presentes que poderá emitir um documento para convalidar os documentos elaborados pela Companhia, em substituição às ART´s e que encaminhará imediatamente à Defesa Civil o documento comprovando a autenticidade do estudo realizado por seu técnico. 

Foi fixado o prazo de 45 dias, a contar da data da reunião, para o encaminhamento do termo de referência e da planilha ajustada, feito pelo técnico da CPRM. 

Participaram da reunião: Raimundo Coelho de Oliveira Filho e Manoel Gustavo Costa de Aquino (Secretaria de Estado da Defesa Civil); Jonathan Madeira de Barros Nunes; Gilberto Pereira, Jean Ricardo da Silva Nascimento, Antônio Carlos Bacelar Nunes e Francisco das Chagas Lages Correia Filho (CPRM); Douglas Lopes da Silva Alves (Funasa). 

Assessoria de Comunicação Social

Ministério Público Federal no Estado do Piauí

O médico Justino Moreira que é um dos responsáveis pelo setor Neo Natal do Hospital Tibério Nunes, em Floriano-PI, respondendo a uma denúncia de que cincos dos 10 leitos do setor citado não estavam funcionado, afirma o seguinte “voltamos a aceitar crianças externas a partir dessa madrugada. Então dos cinco leitos, nós já recebemos dois e tem com isso sete leitos ocupados e três disponíveis para atender

justino

O médio fala de um Raio X que estava com problema e, com isso, impedindo de receber crianças com a saúde agravada.

“Sem a condição de Raio X adequado dentro do Hospital não podemos atender uma demanda externa, recebendo crianças no final de semana, mas não temos nenhum problemas em relação aos leitos”.

Ele disse mais, que houve suspensão de algumas ações por um período, mas que o setor já pode receber as crianças em acordo com a capacidade que a UTI comporta.

Sobre os vencimentos dos servidores com serviços prestados o Dr. Justino colocou o seguinte, “Em relação a UTI Neo Natal os servidores não deixaram de receber por falta de pagamento, simplesmente houve um problema na questão do pagamento porque existia uma mudança na condição do pagamento em ser centralizado tudo por Teresina, tudo pela SESAPI. E, essa condição não deu certo, apesar da nossa equipe ter feito todos os treinamentos e mandou todas as folhas de pagamento, mas a SESAPI disse que na sexta-feira concluiu que não daria para ser mais por lá (Teresina) e retornou os serviços pra cá e tudo foi refeito na segunda-feira e estamos esperando a decisão da SESAPI se paga por aqui”.

Ele disse que o dinheiro já está na conta e que o mês de novembro deve ser pago até a próxima sexta-feira.

Quanto ao mês de dezembro, tão logo seja pago novembo começa  o planejamento para a liberação dos últimos trinta dias do ano de 2018.

 

Da redação

Na noite dessa segunda-feira, 18, em mais uma sessão ordinária dos vereadores de Floriano –PI os parlamentares municipais voltaram a discutir a situação do Hospital Regional Tibério Nunes, bairro Manguinha, que a cada dia tem sido alvo de graves denúncias.

Nesta segunda, 19, uma pessoa que não quis se identificar, mas que faz parte do órgão em saúde, fez revelações comprometedores ao Piauí Notícias.

A queixosa disse que dos 10 leitos dos setor de Neo Natal somente cinco estão funcionando e, que os salários dos servidores que estão como serviços prestados estão sem ser repassados desde novembro.

“Vemos muitas pessoas em fase de desespero por não terem outra fonte de renda e estão aguardando pela boa vontade dos governantes quanto a esse repasse,” disse a denunciante que não quis se identificar.

Ainda de acordo ela, um outro problema tem preocupado os pacientes e seus acompanhantes, pois são os constantes roubos que tem ocorrido nas dependências do órgão em saúde.

O que se tem de informações, quanto a segurança, é que no local existe apenas um guarda e esse fica na entrada do Hospital.

Sobre a situação do Hospital em relação aos vários problemas, mas não baseado nessas informações citadas acima, o parlamentar que vem acompanhando os apelos da sociedade é o vereador Mauricio Bezerra, presidente da Câmara de Floriano.

Ele declarou o seguinte após a sessão dessa noite de segunda, 18, “quanto ao Hospital existem as reclamações de sempre como a falta de investimento do governo do Estado. A grande demanda que o hospital tem é uma reverência em todo o Piauí e tem tio grandes avanços – como a neurocirurgia, por exemplo, ou seja, foram muitos serviços que foram implantados e tem a procura de grande parte do Piauí e parte do Maranhão. O hospital tem dado grandes respostas, mas é necessário que se aumente os investimentos”.

O parlamentar lembra mais, que os investimento não estão surgindo na proporcionalidade que a cidade e região precisa.

 

Da redação

O ex-deputado Deusimar Brito (Tererê), de acordo com informações repassadas ao Piaui Noticias, foi convidado pelo os membros do PPS para se filiar ao partido ee disputar a prefeitura de Parnaíba nas eleições de 2020.

terere

 A legenda terá seu nome alterado para Cidadania 23. O convite teria sido formalizado pelo  Celso Henrique e o deputado estadual Oliveira Neto, presidente e vice-presidente da sigla, respectivamente.

 

Com informações do 180graus

Subcategorias