motopopvermeSerá que é ousado ou o que? Um homem teve a moto apreendida por policiais militares nessa quarta-feira, 15, após tentar passar em frente a sede do 3º Batalhão da Polícia Militar, que fica à rua Marques da Rocha, sem o uso do capacete, sem documentação pessoal e do veículo e como se não bastasse, a moto estava sem placa.

Além de uma série de arbitrariedades confirmadas o condutor que estava com um passageiro, se aborreceu, mas não impediu da motocicleta ser apreendida.


A moto, modelo pop, ficou retida e estava para ser encaminhada para o pátio do Detran.

No momento da imprudência estavam presentes alguns policiais que integram o Batalhão do Trânsito da Polícia Militar que tem o comando do major PM Rubens Lopes. As informações são do subtenente PM Roberto Feitosa.
Da redação
IMAGEM: piauinoticias.com
Um prédio que estava em reforma no Centro da cidade de São Julião, a 382 km da Capital do Piauí (Teresina), no Sul do Estado, desabou matando o jovem Felipe Francisco de Brito, mais conhecido por Felipe de Tico, de 25 anos, e deixou ferido outro jovem conhecido por Josué de Nenzinho, 22 anos, que foi encaminhado para o Hospital de Urgência, em Teresina-PI.


O desabamento ocorreu na manhã da última terça-feira, 13, quando as duas vítimas estavam trabalhando na reforma do prédio, onde funciona o Bar do Idalércio.


Pedreiros e serventes estavam demolindo uma parede lateral do imóvel, quando esta desabou, atingindo os dois operários que foram resgatados por colegas que trabalhavam na construção.


Os dois operários foram levados para o Hospital de São Julião, sendo que Felipe não resistiu aos ferimentos e veio a óbito e o seu colega Josué, após receber os primeiros cuidados médicos foi transferido para o HUT, na Capital do Piauí.


O médico Estevam Brito que atendeu Josué informou que o jovem não corre risco de morte. Felipe que morreu na tragédia residia no Povoado Fujona, na Zona Rural de São Julião. O caso será apurado através de um inquérito policial, presidido pela Polícia Civil. Com informações de Jeremias Carvalho.



GP1

O corpo de um homem foi encontrado numa lagoa do bairro São Joaquim, zona Norte de Teresina. A Polícia Militar informou que ainda na manhã de ontem recebeu telefonema anônima do ocorrido, mas somente na manhã desta quinta-feira, 15, o corpo foi localizado. A Polícia acredita que o rapaz foi morto dentro de um motel.

 

Segundo o cabo J. Lima, do 9º BPM, as primeiras informações são de que o homem teria sido morto em outro local e teria sido jogado na lagoa. Os bombeiros foram acionados para resgatar o corpo, já que a perícia já está no local, que conhecido como Lagoa do Inferninho.

 

O policial militar disse que populares o identificaram como sendo morador do bairro Água Mineral e teria envolvimento com o tráfico.

 

O corpo possui manchas de sangue no rosto e uma mancha vermelha no peito, que supostamente seria de um tiro.

 

Morto no motel

O delegado Erisvaldo Carvalho, titular do 7º DP, informou que a vítima tinha sido morta dentro de um motel da zona Norte, na madrugada de terça para quarta(14).

 

Informações de populares é de que o autor do crime esteve na lagoa para ver o corpo e teria dito: “Fui eu fiz esse daí, vim só pra conferir”, teria declarado no momento que olhava o corpo.

 

Cerca de meia-hora depois, o Corpo de Bombeiros chegou ao local e faz o resgate do cadáver.


Cidade verde

pedrasCícero Ribeiro Dantas, 23 anos, tem uma ficha criminal extensa. Solto há menos de um mês, ele foi preso novamente na tarde dessa quarta-feira, 14, portando 19 pedras de crack.


Especialista em roubos e pequenos furtos, nas ruas Cícero se torna “Pitoca”, velho conhecido da polícia em razão do longo número de detenções que acumulou ao longo dos anos. Sua prisão mais recente ocorreu por volta das 17:00h de ontem no bairro Aerolândia, após policiais militares serem informadas das características do responsável por um assalto na Rua Marcos Parente, Centro de Picos.


Com “Pitoca” os PMs localizaram 19 pedras de crack e R$ 9,00 em espécie. “Ele foi autuado em flagrante delito por tráfico e se encontra a disposição da Justiça, ficando preso na Central de Flagrantes até que o juiz responsável pela Vara Criminal o encaminhe para a Penitenciária José de Deus Barros”, explica Abelardo Oliveira, chefe de plantão.


De acordo com Abelardo, todos os objetos furtados por “Pitoca” eram rapidamente trocados por cocaína ou outras substâncias entorpecentes. “Além de usar essas drogas em consumo próprio, ele também fazia a venda para seus ‘companheiros’”, disse.


A família do jovem foi informada sobre sua prisão na manhã de hoje e, segundo Abelardo, os pais se recusaram a assinar o comunicado.


Pitoca se reservou o direito de ficar calado durante todo o interrogatório realizado na Central de Flagrantes e não deu nenhuma informação sobre a origem das drogas ou o destino da arma utilizada durante os assaltos que cometeu.



Riachão Net