O empreendedor Edivaldo Pires da Rocha que é proprietario do Mercadinho Rocha, comércio que foi arrombado nessa madrugada, bairro Manguinha, pouco depois das três horas, foi comunicado do crime pela Polícia Militar que ja tinha prendido uma pessoa envolvida na ação.

pires

"Eu estava em casa com minha esposa quando a Polícia chegou me chamando e dizendo que tinham arrombado o Mercadinho. A PM jà  estava com uma pessoa presa e com a mercadoria recuperada", disse o empresário Edivaldo afirmando que já foi assaltado três vezes, mas que foi vitima de arrombamento pela primeira vez.

O casal de criminosos - Barrão e Ana Beatriz da Silva Alcoforado -  quebrou uma grade e, em seguida, arrombaram um portão usando um pé de cabra. O acusado Barrão e acompanheira teria usado uma barra de ferro na porta de enrolar, após terem quebrado cadeado da grade de proteção.

A Pòlicia estava numa ronda pela cidade quando numa área viu os suspeitos com as sacolas e, após uma abordagem viu que se tratava de crminosos e que nas sacolas tinham muitos produtos. 

Barrão volta a incomodar a população e é acusado de arrombamento

Da redação

Um criminoso florianense que tem inúmeras passagens e que já foi um terror na cidade por ter praticado dezenas de crimes, tem hoje em seu desfavor um mandado de prisão em aberto.

mercainho

Barrão vem sendo acusado de várias práticas criminosas e, nessa última madrugada, pouco depois das 3:00h,  teria sido flagrado arrombando um comércio, mas conseguiu fugir com chegada da Polícia Militar.

Em companhia de uma mulher identificada por Ana Beatriz da Silva Alcoforado o popular Barrão teria praticado um arrobamembdo a um comércio que fica nas imediações do Hospital Regional Tibério Nunes, bairro Manguinha, em Floriano.

Do local, o casal ja tinha subtraido vários produtos como 25 pacotes de leite em pó, cinco pacotes de fraldas, 05 desodorantes, 83 carteiras de cigarros, 07 pacotes de fumo, dois pares de chinelos e cerca de R$ 80,00.

Beatriz foi presa no bairro São Borja por uma patrulha da Polícia Militar. O Barrão, que de acordo com informações vem agindo com práticas de crimes em várias partes da cidade, conseguiu se evadir com a chegada da PM.

 barrao

barroa

barrão

Matérias de crimes envolvendo o Barrão

Justiça determina a liberdade do Barrão. Ele estava na Vereda

Barrão volta a ser procurado pela Justiça de FLO. Há um mandado de prisão contra ele

 

 

Da redação

IMAGENS: Polícia

IMAGEM: Barrão - arquivo

 

 

A Policia Civil de Floriano, área do 2º Distrito Policial, está investigando o caso do jovem Kelson Vinnicyos, de 18 anos, que foi baleado com dois tiros de arma de fogo, fato ocorrido na noite dessa terça, 13, no Conjunto Filadeldo Freire de Castro, região do Parque de Exposições em Floriano.

kelson1

As primeiras informações que foram repassadas por familiares eram que teria sido uma tentativa de assalto, mas as investigações dão conta, de acordo com fontes, que não se tratou de uma tentativa de assalto.

Os disparos, que atingiram o Kelson, teriam sido acidentais e que uma jovem, possivelmente a namorada dele, seria a autora.

O caso se deu  na residência da jovem de iniciais M.E que, após os disparos, sem chamar o SAMU teria com ajuda de vizinhos socorrido a vítima levando a mesma  até o Pronto Socorro do Hospital Regional Tibério Nunes, onde o Kelson recebeu os primeiros socorros.

O Boletim de Ocorrência foi feito na Central da Polícia Civil  na tarde de hoje pela senhora Leda Maria do Nascimento, mãe do Kelson.

O pai do rapaz é Edvaldo Silva Pereira. Kelson está em estado gravíssimo, pois um projétil está alojado na cabeça.

A jovem que está sendo apontada como autora dos disparos está foragida e mora no mesmo Conjunto, inclusive mesma Quadra. A arma usada no crime ainda não foi encontrada. 

 B.O de tentativa de homicídio foi registrado nessa tarde de quarta

Familiares de homem baleado não registra queixa da tentativa de homicídio

Familiar de Kelson, baleado nessa terça em FLO, faz declaração de despedida

Novo pronunciamento de médico sobre homem baleado na cabeça em FLO

Homem é atingido por disparos de arma de fogo em Conjunto de FLO

 

Da redação

IMAGEM: Facebook

celularesFoi realizada a Operação Estandarte, na praça da Bandeira, Centro de Teresina, na manhã desta quarta-feira, 13, pela Polícia Militar do Piauí em conjunto com a Polícia Civil do Piauí, a Força Tarefa da Secretária de Segurança Pública, Corpo de Bombeiros, STRANS, Guarda Municipal e SDU Centro.

A ação foi iniciada na sede do Corpo de Bombeiros, com uma reunião entre os órgãos para traçar o plano de ação das equipes, com o objetivo garantir a tranquilidade das pessoas e aumentar a sensação de segurança no local; reprimir crimes contra ordem tributária e combater a receptação de celulares furtados e/ou roubados.

O Comandante do Policiamento Metropolitano II, Coronel Rodrigues, falou do intuito de combater a criminalidade e coibir o furto e roubo de celulares atacando principalmente a receptação destes produtos na área central da Capital. O Comandante do 1º Batalhão, Tenente-coronel Lacerda, colocou a importância da diminuição da violência na área do centro, assim como o combate ao tráfico de drogas, prostituição infantil.

Durante a Operação foram apreendidos 52 celulares e outros materiais que eram comercializados sem nota fiscal na praça. Foram realizadas 168 abordagens a pessoas, cinco foram conduzidas e lavrado um boletim de ocorrência.

 

180graus

Foto: divulgação/PM