daniloO lateral direito Fagner será a única novidade da formação brasileira contra a Costa Rica, às 9 horas (de Brasília) desta sexta-feira, em São Petersburgo. Não por vontade do técnico Tite. Danilo acusou uma contusão muscular na região direita do quadril e acabou vetado pelo departamento médico após passar por exames.

Antes do Mundial, a intenção de Tite não era contar com Danilo nem com Fanger como titular da posição. O veterano Daniel Alves sofreu uma lesão ligamentar no joelho direito às vésperas da convocação, defendendo o Paris Saint-Germain na final da Copa da França, e não pôde ser chamado pelo treinador.

Fagner saiu atrás na disputa com Danilo porque também estava em recuperação de uma contusão, muscular na coxa direita, durante a preparação da Seleção Brasileira.

Conhecido de Tite dos tempos de Corinthians, Fagner atuou na Seleção Brasileira sob o comando do técnico tanto quanto Danilo. Cada um esteve quatro vezes em ação, contra 14 de Daniel Alves.

O restante da escalação do Brasil será o mesmo do empate por 1 a 1 com a Suíça, pela primeira rodada do grupo E do Mundial. Confira o time: Alisson; Fagner, Thiago Silva, Miranda e Marcelo; Casemiro, Paulinho, Willian, Philippe Coutinho e Neymar; Gabriel Jesus.

 

gazeta

Lionel Messi voltou a passar em branco e a seleção da Argentina sofreu uma dura derrota para a Croácia nesta quinta-feira, pelo Grupo D da Copa do Mundo. Rakitic, Modric e companhia aprontaram em Nizhny Novgorod e aplicaram 3 a 0 no time sul-americano com um placar que pode ajudar a encerrar de forma precoce a trajetória argentina pela Rússia.

messi

Num dos resultados mais inesperados deste Mundial, a Argentina voltou a exibir os mesmos erros da estreia, quando empatou com a Islândia por 1 a 1. Com Messi novamente inoperante no ataque, o time comandado pelo técnico Jorge Sampaoli foi alvo fácil dos croatas. Modric, Rakitic e Rebic balançaram as redes.

E contaram com uma ajuda decisiva do goleiro Caballero, no primeiro gol, que abriu a porta para a grande vitória dos croatas, líderes da chave, com seis pontos e aproveitamento de 100% até agora. A Islândia aparece em segundo lugar e a Argentina, em terceiro, ambos com um ponto.

A Nigéria, que enfrentará a Islândia nesta sexta, ainda não pontuou. Deste jogo e da próxima rodada vai depender o futuro da Argentina na Copa. Os atuais vice-campeões mundiais agora vão depender de uma combinação de resultado para avançarem às oitavas de final. Também vão precisar fazer sua parte e vencer a Nigéria na rodada final, no dia 26, próxima terça.

Para o duelo desta quinta, Sampaoli promoveu três alterações na equipe titular e até mudou o esquema tático. As mudanças visavam favorecer a participação de Messi no setor ofensivo. Mas, novamente, o atacante do Barcelona deixou a desejar em solo russo.

O JOGO

Com três mudanças em relação à estreia, a Argentina demorou para se encontrar em campo nesta quinta, graças principalmente à falta de entrosamento do seu trio defensivo. Tanto que Caballero foi exigido logo aos 4 minutos de jogo, em chute cruzado de Perisic, pela esquerda. Uma outra chance croata, pela direita, também causou preocupação na torcida sul-americana.

A resposta do time de Sampaoli veio aos 12. Meza acertou forte chute, mas viu a bola desviar na defesa e sair. Foi o necessário para dar leve susto na Croácia e manter o rival mais cauteloso em campo. O jogo, então, ganhou em equilíbrio no primeiro tempo, com as duas seleções mais cuidadosas.

As mudanças na escalação e no esquema argentino tinham por objetivo favorecer Messi lá na frente. Mas, enquanto o time sul-americano sofria ameaças pelas laterais, em razão das opções do seu treinador, tampouco ameaçava no ataque. A bola simplesmente não chegava ao craque do time, sem um armador.

Numa rara oportunidade, aos 29, Messi pressionou o goleiro pela esquerda. E, no rebote, Enzo Pérez mandou para fora, mesmo diante do gol aberto. A Croácia respondeu com um lindo levantamento na área de Modric para cabeçada perigosa de Mandzukic, aos 31. O atacante da Juventus mandou para fora.

Antes do fim da etapa inicial, com um duelo de jogadas mais ríspidas, a Croácia teve grande chance para abrir o placar. Foi aos 46, quando Rebic recebeu ótimo lançamento pela esquerda, mas dominou mal, atrasou o lance e acabou batendo para longe do gol.

CROÁCIA DESLANCHA

O segundo tempo começou mais aberto, com as duas equipes exibindo posturas mais francas, em busca do ataque. Mas um erro incrível de Caballero mudou todo o panorama do jogo. Logo aos 7 minutos, o goleiro argentino tentou repor a bola encobrindo Rebic, sem sofrer maior pressão na saída de bola. Porém, a finalização foi fraca e o croata acertou belo chute de primeira, estufando as redes.

Após o gol, Sampaoli reforçou o ataque da sua equipe. Colocou Pavón e Higuaín nos lugares de Salvio e Agüero, totalmente apagado em campo. Ao mesmo tempo, a Croácia recuou para neutralizar as investidas. E deixou Mandzukic "de plantão" na área adversária. Assim, ele quase anotou o segundo, aos 20 minutos.

Preocupado, Sampaoli deu sua última cartada e colocou Dybala em campo. Mas a almejado gol acabou saindo do outro lado do campo. Aos 35, Modric arriscou forte chute de fora da área e Caballero não alcançou: 2 a 0. A essa altura, parte da torcida argentina lamentava e parte vaiava o goleiro.

Dentro de campo, o jogo ganhou em lances mais violentos, quase todos protagonizados pelos argentinos, quase desesperados diante do placar. A Croácia sustentou a boa vantagem com certa tranquilidade nos minutos finais e ainda acertou o travessão, aos 41, com Rakitic.

Antes do apito final, o mesmo jogador do Barcelona anotou o terceiro gol dos croatas, num vacilo geral da defesa sul-americana para selar a segunda vitória nesta Copa do Mundo, ainda sonhando em repetir a grande campanha de 1998, quando foi a terceira colocada.

 

Agência Estado

Foto: REUTERS/Ivan Alvarado

Para esta quinta-feira está confirmada mais uma rodada do Campeonato Os Quarentões, no Comércio Esporte  Clube, em Floriano.

Marcada para as 20:15h a partida estará envolvendo as equipes de Barão de Grajaú – MA x Nazaré do Piaui. Na sexta estarão em campo ás 19:30h, um pouco mais cedo, as equipes do Bertolínia-PI x Pastos Bons-MA.

quarre

As informações são do coordenador da competição que está regionalizada o desportista Carlos Iran que confirmou que o time Pelada dos Amigos x Câmara de Floriano  jogam em seguida.

Para o sábado, 23, devem se enfrentar às 16:00h as equipes do Independente-FLO x Dragão Central. O Francalino da Costa é um outro organizador da competição.

 

Da redação

 

guerreroGuerrero ainda enfrenta a Austrália na próxima terça, antes da despedida da Copa da Rússia, mas a derrota nesta quinta para a França e, consequentemente, a precoce eliminação do Peru, levantaram novamente a pergunta: qual será o futuro do atacante?

Após a derrota para a França em Ecaterimburgo, Guerrero deixou o campo desolado e chorou. O clima após a partida era péssimo entre os peruanos. Poucos jogadores falaram, e Guerrero foi um deles. Bastante chateado e evasivo, revelou que está liberado para jogar ao ser indagado se retorna ao Flamengo após o Mundial.

- Sim, estou liberado para jogar – disse ao GloboEsporte.com

O jurídico do Flamengo analisa a situação e entende que Guerrero está apto a jogar até que o mérito da liminar seja julgado. Ele teve o contrato reativado quando a Justiça da Suíça concedeu o efeito suspensivo e tem vínculo com o clube até 10 de agosto. O Rubro-Negro aguarda que o peruano após o Mundial.

Guerrero estava suspenso por 14 meses pelo TAS (Tribunal Arbitral do Esporte) pelo doping causado por um metabólito de cocaína. O contrato foi suspenso pelo clube, mas foi reatividade novamente após o peruano conseguir um efeito suspenso na Justiça Comum da Suíça para jogar a Copa. A dúvida era se a liberação se estendia a jogos do clube carioca, e o Flamengo entende que sim.

De toda forma, Guerrero não gostou de ter seu contrato suspenso – pela segunda vez -, um dia após o TAS anunciar a ampliação da suspensão para 14 meses. Fato que pode complicar uma eventual renovação de contrato. O clube já manifestou o interesse de manter o peruano caso ele tenha condições de jogo.

 

GE

Foto: REUTERS/Darren Staples

sdsdsdsds