Considerando vender alguns atletas, o Vasco recebeu fortes sondagens do Corinthians pelo zagueiro Leandro Castan, que foi o capitão da equipe nesta temporada. O presidente Cruz-maltino, Alexandre Campello, no entanto, bancou a permanência do atleta em São Januário.

“Castan é assunto superado. É jogador do Vasco e tem contrato até 2019. O representante dele falou do interesse do Corinthians, parece que de fato ele existia, mas não houve proposta. Se não tem proposta, não tem porque ficar falando sobre isso. Se tivesse, infelizmente eu teria de analisar, porque não quero me desfazer dele”, afirmou Campello.

Campello revelou que o Vasco precisa vender algum atleta titular para fazer caixa para o próximo ano. O único que recebeu proposta oficial até o momento foi o goleiro Martín Silva, que interessa ao Libertad.

O goleiro uruguaio demonstrou interesse de deixar o clube e, caso realmente saia, o Vasco precisará buscar um substituto no mercado. Yago Pikachu e Andrey são outros dois nomes com potencial de venda, segundo o dirigente. Além deles, jogadores da base do Vasco foram sondados, mas as ofertas não agradaram.

 

futebolinterior