Foi realizada nesta segunda-feira (16) a entrega oficial do projeto de mestrado em Direitos Humanos para a Administração Superior da Universidade Estadual do Piauí (UESPI). Estiveram presentes, o Reitor Nouga Batista, juntamente com membros do corpo docente do curso de Direito. O mestrado profissional trata-se de uma proposta voltada para a ampliação e avanços na área para abordar e discutir todos os âmbitos dos Direitos Humanos.

O projeto, de acordo com a Pró Reitora de Pesquisa e Pós-Graduação (PROP), Bárbara Melo, será importante para dar mais força às pesquisas realizadas na área. “Com a aprovação, já pretendemos começar as ofertas para 2019. O mestrado só tem a fortalecer toda a universidade e especialmente as áreas relacionadas aos Direitos Humanos e o acesso à justiça”, afirma Bárbara.

Para a coordenadora do projeto, Profa. Dra. Auricélia Mello, o mestrado irá contribuir para a colaboração de mais atenção e importância na produção de assuntos sobre os Direitos Humanos. “É muito importante para o crescimento do curso e para o crescimento profissional. Todos os alunos e ex-alunos vão ter essa oportunidade. Caso a proposta seja aprovada, teremos acesso a um curso extenso sem precisar sair do nosso estado”, comemora.

O reitor Nouga Cardoso exaltou a valorização e comprometimento do corpo docente envolvido. “É de uma grande valorização para a instituição, pois estamos reafirmando o comprometimento de um corpo docente qualificado que torna possível o crescimento da instituição. Todos estão de parabéns”, finaliza Nouga Cardoso.

Além dos campus Torquato Neto e Clovei Moura, o mestrado irá contemplar os alunos de Direito do campus de Picos. O projeto já se encontra na secretária dos conselhos onde vai ser entregue ao Conselho Técnico Científico (CTC) e logo em seguida será submetido para a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).

 

Uespi

As inscrições para o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja Nacional) deste ano serão abertas às 10h de hoje (16). O prazo para fazer a inscrição termina no dia 27 de abril. As provas serão realizadas no dia 5 de agosto. O sistema de inscrição pode ser acessado na página do Encceja na internet.

O exame é direcionado aos jovens e adultos que não concluíram os estudos na idade apropriada para cada nível de ensino. Os participantes devem ter, no mínimo, 15 anos completos na data de realização do exame, para quem busca a certificação do ensino fundamental. Quem busca a certificação do ensino médio tem que ter, no mínimo, 18 anos completos na data de realização do exame. A participação é voluntária e gratuita.

Durante a inscrição, o participante deve ficar atento à seleção das áreas de conhecimento. Quem quer o certificado de conclusão do ensino fundamental ou do ensino médio precisa ter proficiência nas quatro áreas do conhecimento e na redação. Mas o participante que já tem alguma declaração parcial de proficiência, obtida em edições passadas do Enem ou do próprio Encceja, fica liberado de fazer a prova da área na qual já tem proficiência comprovada. Na inscrição, o participante também precisa escolher a instituição na qual pretende solicitar a certificação ou a declaração parcial de proficiência.

Os resultados individuais do Encceja permitem a emissão de dois documentos: a certificação de conclusão do ensino fundamental ou do ensino médio, para o participante que conseguir a nota mínima exigida nas quatro provas objetivas e na redação, e a declaração parcial de proficiência, para o participante que conseguir a nota mínima exigida em uma das quatro provas, ou em mais de uma, mas não em todas.

Também  serão realizados neste ano o Encceja para quem mora no exterior, para adultos submetidos a penas privativas de liberdade e para adolescentes sob medidas socioeducativas que incluam privação de liberdade.

 

Agência Brasil

Começou hoje (16/04) e vai até o dia 15 de maio o prazo de inscrições para o concurso da Polícia Civil do Piauí. As inscrições podem ser feitas exclusivamente no site do NUCEPE, onde os interessados também podem imprimir o boleto para pagamento das respectivas taxas. Para o cargo de Delegado a inscrição custa R$ 200,00; já para os cargos de Perito e Agente o valor é de R$ 150,00.

Na modalidade Cadastro de Reservas, o concurso ofertará 50 vagas para Delegado, 250 vagas para Agente e 50 vagas para Perito. Os concorrentes classificados serão convocados de acordo com a necessidade do órgão contratante e a disponibilidade financeira do Estado.

Os candidatos que vão concorrer ao cargo de Delegado serão submetidos a duas provas; sendo a primeira, a objetiva, realizada no dia 10 de junho deste ano. Os candidatos que obtiverem nota classificatória nesta prova serão submetidos à segunda prova, dissertativa, que acontecerá no dia 8 de julho. Serão classificados candidatos em número de três vezes o total de vagas oferecidas e mais os que ficarem empatados na última colocação.

A prova objetiva para os candidatos que vão concorrer aos cargos de Agente e Perito também será realizada no dia 10 de junho.

O concurso para Delegado é o mais extenso e constará de sete etapas; já o cargo de Agente acontecerá em cinco etapas e o de perito em três.

Mais informações podem ser acessadas no site do NUCEPE.

 

Uespi

 

A Universidade Federal do Piauí (UFPI), Campus Amílcar Ferreira Sobral (CAFS), por meio da Coordenação Acadêmica, divulga o cronograma das entrevistas referentes ao processo seletivo para o Curso de Especialização em Gestão de Pequenas e Médias Empresas, a ser realizado no CAFS.

As entrevistas acontecerão nos dias 16 e 17 de abril de 2018.A aula inaugural está prevista para o dia 14 de maio de 2018.

Confira o cronograma.

 

Ufpi

Casa da Vóvo
Drogalider
Tem contabilidade
Luan Gás
Dr Kelmar - Ache Floriano
Tatiana Gás
Otica Visão - Ache Floriano
Primeiro de Maio  - Ache Floriano
Planeta Baterias - Ache Floriano
sdsdsdsds