Foi ministrado nesse final de semana no município florianense um curso que envolveu dezenas de participantes. O curso de Capelania é reconhecido pela Constituição Federal, segundo o vereador irmão Carlos Antônio todos e os participantes estarão recebendo uma credencial que dará direito aos mesmos terem acesso a alguns órgãos, como exemplo, hospitais e presídios. O objetivo é ajudar determinado publico com palestras e palavras de conforto.
 
carlosantonio


“Estamos participando como colaborador e aprendendo um pouco mais sobre como atender as pessoas”, disse o vereador irmão Carlos, acrescentando que os participantes integram várias igrejas evangélicas e o conteúdo visto superou a expectativa.
 
 

As três áreas que compreendem a capelania estão no programa repassado aos participantes, foi o que citou Soraya Gazel, da União de Capelania Evangélica do Brasil que esteve participando do encontro como uma das monitoras.




“Nós somos pioneiros no mundo nessas três áreas de capelania, que são: hospitalar, prisional e de assistência e ação social. Somos hoje mais de 30 mil capelães numa instituição que funciona há 17 anos”, disse a capelã Soraya.  carlossorayaexpe
O projeto não é só direcionado aos evangélicos, mas sim, às pessoas que desejam ajudar àqueles que precisam de ajuda levando a fé, esperança e amor aos moradores de rua, pessoas em creches, asilos ou que estão enfermas em qualquer lugar, citou ela concluindo que se trata de apoio espiritual.
 
 

A credencial entregue aos participantes do curso contém nome do titular, da Igreja da qual esse pessoa participa, CPF e ainda o RG. Quem também esteve diretamente participando do curso foi o pastor Expedito que é da Igreja Assembleia de Deus.
 
 
 
 
Da redação
IMAGENS: piauinoticias.com

Pelo menos 117 concursos públicos em todo o país estão com inscrições abertas nesta segunda-feira, 7, e reúnem 27.400 vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade. Os salários chegam a R$ 21.766,15 no Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região (Roraima e Amazonas).

 

Só na Prefeitura de Itapeva (SP) são 2.098 vagas. Além das vagas abertas, há concursos para formação de cadastro de reserva, ou seja, os aprovados são chamados conforme a abertura de vagas durante a validade do concurso.

 

Os órgãos que abrem as inscrições nesta segunda-feira são os seguintes: Banco da Amazônia, Ministério Público do Estado do Rio Grande do Sul, Prefeitura de Araguari (MG), Prefeitura de Central de Minas (MG), Prefeitura de Itamarati de Minas (MG), Prefeitura de Paulo Ramos (MA), Prefeitura de Pedralva (MG), Prefeitura de Rio Claro (SP), Prefeitura de São Raimundo Nonato (PI) e Tribunal de Contas do Estado do Amazonas.


G1


Os aprovados no último concurso para integrarem a Universidade Estadual do Piauí Campus Dra Josefina Demes devem se apresentar em Teresina, o mais breve possível. Os documentos devem ser apresentados no departamento pessoal na sede da UESPI na capital piauiense.
 
 anamariauespi
“A convocação vem sendo feita desde o dia 24 de abril e os convocados devem se apresentar para que seja comprovada a efetivação no exercício para que em seguida comecem a trabalhar”, colocou a professora Ana Maria, diretora da UESPI, Campus Floriano.
 
 

O prazo para apresentação desses novos servidores se encerra no dia 24 de maio, no entanto, quem não se apresentar nesse período será considerado desistente.  “Para Floriano nós ficamos com 09 vagas ociosas e estamos aguardando uma posição da reitoria”, detalhou a professora.
 
 
 
Plataforma
Duas turmas estão abertas na Plataforma Freire que é uma novidade na Universidade local, disse a professora, afirmando que as vagas são nas áreas de espanhol e pedagogia. Os nomes dos selecionados estão no site da UESPI.
 
 
 
Da redação
IMAGEM: píauinoticias.com

uespiiA Universidade Estadual do Piauí (Uespi), através da Faculdade de Ciências Médicas (Facime), é a única instituição de Ensino Superior a formar os primeiros especialistas em Nefrologia no Estado do Piauí. Foram formados, em 31 de janeiro de 2012, os Nefrologistas Leonardo Ferreira Amorim e Livia Patrícia Mourão Costa.
 


“Com estes programas de Pós-Graduação, a Universidade Estadual do Piauí conquista prestígio e cumpre seu papel com competência, contribuindo para melhorar a assistência à população do Estado”, afirma Celina Castelo Branco, professora da Facime e Supervisora da Residência em Nefrologia no Hospital Getúlio Vargas.
 
 
 


A Nefrologia é a área da medicina que trata de doenças do aparelho urinário, tais como: insuficiência renal e incontinência urinária. As doenças renais vêm se apresentando como importante problema de Saúde Pública e a falta de profissionais na área de Nefrologia no Piauí estava ocasiona o diagnóstico tardio dos problemas renais.
 
 


O Programa de Pós-Graduação tem duração de dois anos e, segundo Celina Castelo Branco, tem entre os objetivos proporcionar facilidade de acesso ao especialista e contribuir com a qualidade da assistência prestada à população, especialmente, no interior do Estado onde a carência é maior.





 
Piaui.pi.gov