Com um total de 21.356 candidatos inscritos, o concurso para Polícia Civil tem sua primeira prova aplicada neste domingo, 10 de junho de 2018. O cargo mais disputado é o de Delegado de Polícia Civil, com uma concorrência ampla de 133,8 e 19,80 para pessoa com deficiência.

Os candidatos que vão concorrer ao cargo de Delegado e Agente serão submetidos a 1° etapa classificatórias neste domingo, já os candidatos para Perito no dia 01 de julho. Serão classificados candidatos em número de três vezes o total de vagas oferecidas e mais os que ficarem empatados na última colocação.

Na modalidade Cadastro de Reservas, o concurso oferta 50 vagas para Delegado, 250 vagas para Agente e 50 vagas para Perito. Os concorrentes classificados serão convocados de acordo com a necessidade do órgão contratante e a disponibilidade financeira do Estado.

O concurso para Delegado é o mais extenso e constará de sete etapas; já o cargo de Agente acontecerá em cinco etapas e o de perito em três.

O NUCEPE recomenda que os candidatos cheguem aos locais de prova com uma hora de antecedência e observem as normas previstas no edital. E também adverte a proibição do ingresso dos candidatos nos locais de provas portando objetos como aparelhos eletrônicos, inclusive telefone celular, capacetes, óculos esporte, relógios e outros; sendo permitido levar apenas o documento de identificação, com foto e caneta esferográfica azul ou preta.

Os candidatos já podem acessar seu cartão de informação e verificar seu local de prova. Essa e mais informações, podem ser acessadas no site do NUCEPE.

Ascom

Na manhã desta sexta-feira, 08, uma professora foi assaltada em frente à Igreja do Parque Piauí, localizada na Zona Sul de Teresina. O que chama a atenção é que é a segunda vez, em menos de 15 dias, que seu carro é roubado. O primeiro assalto aconteceu no fim do mês de maio e seu carro, um Fox cinza, foi levado junto com sua bolsa e documentos nas duas ocasiões. Ninguém da polícia foi encontrado para falar sobre o caso.

O ex-marido da vítima, professor Rodrigo Amaral, contou sobre os dois crimes porque, segundo ele, a mulher não consegue falar sobre os casos por ainda estar muito abalada e assustada. Ele disse que o primeiro assalto ocorreu em frente ao local de trabalho da professora, a Unidade Escolar Gabriel Ferreira, localizada no bairro Vermelha, Zona Sul de Teresina.

O carro foi encontrado três dias depois em um matagal, na cidade de Timon, no Maranhão. "O que assaltou a primeira vez era aluno do colégio, tinha sido preso e foi solto e saiu pra roubar", contou o ex-marido da vítima, Rodrigo Amaral.

Já neste segundo assalto, o carro ainda não foi recuperado, mas a vítima já fez o boletim de ocorrência na delegacia do 4º distrito policial. A polícia informou à família da vítima que já há um suspeito. "A polícia disse que ontem foram atrás de um suspeito que vinha efetuando esse tipo de assalto e acham que é o mesmo", contou Rodrigo.

Ele demonstrou revolta principalmente porque, no primeiro caso, o autor do crime já havia sido preso, foi solto e voltou a realizar assaltos. "A gente cobra das autoridades respostas e uma prisão. É uma mesma história que vemos todo dia e a justiça não toma providências".

 

G1-PI

Pegou fogo na tarde dessa quinta-feira, 07, um depósito de materiais recicláveis, no bairro Esplanada, Zona Sul de Teresina. O incêndio foi controlado por uma equipe do Corpo de Bombeiros. De acordo com os bombeiros ninguém ficou ferido.

De acordo com o aspirante Éverton Almeida, o corpo de bombeiros foi acionado por volta das 16h. “Quando a gente chegou tinha muito fogo e muita fumaça, e a gente conseguiu controlar rapidamente”. Segundo o aspirante, o incêndio começou nos fundos do terreno do depósito e se alastrou.

Dentro do depósito havia pilhas de material plástico que serviram de combustível para as chamas. “A gente percebeu que o fogo começou na parte externa e teve facilidade para passar para o depósito por conta do material aqui ser muito inflamável”, explicou o aspirante Éverton.

O incêndio foi controlado por volta das 17h. As causas do incêndio ainda são desconhecidas. De acordo com o Corpo de Bombeiros, ninguém ficou ferido.

 

G1

cargalegumesNa madrugada desta quinta-feira, 07, na Br 407, em Geminiano, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou um acidente envolvendo veículo de carga.

De acordo com o inspetor Jorge Madeira, o tombamento ocorreu por volta de 01h no quilômetro 428.

“O caminhão VW/24.250C, seguia de Juazeiro da Bahia com destino a Barra do Corda, no Maranhão, e estava carregado com 18 toneladas de legumes. Com o tombamento o condutor os outros dois ocupantes do veículo tiveram apenas ferimentos leves”, disse Jorge Madeira.

Populares estavam recolhendo os produtos, não há informações se a carga foi liberada ou saqueada.

 

Com informações picos40graus

Virtex
Oticas Floriano
Casa da Vóvo
Impresso
sdsdsdsds